Política

Prefeita eleita explica comemoração com água de carro-pipa

Terezinha diz que água foi doada por médico. Adversário critica desperdício em plena seca.  



Reprodução/TV Paraíba
Reprodução/TV Paraíba
Terezinha, de blusa vermelha, comemora com banho de água a vitória

A prefeita eleita do município de Santa Teresinha, no Sertão, Terezinha Lúcia Alves (PSDB), divulgou uma nota nesta segunda-feira (10), justificando-se da comemoração da vitória no último final de semana com água jorrada de um carro-pipa pelas ruas da cidade. O banho de água foi duramente criticado pelo PSB, partido do prefeito derrotado José de Arimateia Camboim.

Terezinha de Zé de Afonso, como é mais conhecida, explicou que o uso carro-pipa na comemoração da vitória foi mostrar que na sua gestão não haverá cobrança aos moradores pela distribuição de água, principalmente da zona rural, diferentemente do governo atual de José de Arimateia.

“Concordamos que a água é um bem precioso, garantido constitucionalmente, que merece economia e zelo, porém, não entendemos a lógica usada pelo partido ao qual o candidato derrotado é filiado em publicar o referido repúdio, uma vez que um dos fatos que mancharam a administração do prefeito Arimateia Camboim foi justamente a taxa de cobrança pelo fornecimento de água potável, através dos carros-pipa, para o povo de Santa Teresinha”, ressaltou a nota.

Terezinha acrescenta que o carro-pipa foi doado pelo médico veterinário Marlus Lúcio, que sempre se manteve à disposição da prefeitura e dos cidadãos de Santa Teresinha para que fosse usada a água do açude de sua propriedade sem cobrar qualquer valor. “Lamentamos a falta de senso democrático e de reconhecimento da vitória maiúscula que conquistamos nas urnas, que retratam a escolha da maioria e da vontade do nosso povo”, diz que nota prefeita eleita Terezinha de Zé Afonso que obteve 54,81% dos votos válidos.

Repúdio

O vice-presidente do PSB do Município de Santa Terezinha, Wilke Camboim, no domingo (9) publicou uma nota, repudiando veementemente a forma de manifestação ocorrida em praça pública, na qual Terezinha de Zé Adolfo promoveu desperdício de água.

“Em tempos em que a seca castiga o povo e o racionamento de água já ocorre, não podemos admitir tamanho desrespeito com o meio ambiente e com o nosso povo. Mesmo diante de tamanha calamidade, a Prefeita eleita, Terezinha de Zé Afonso, não se comoveu, e fez um verdadeiro derramamento de um dos bens mais preciosos para nossa vida, a água. Sinceramente, espero que a Prefeita eleita tenha sensibilidade de governar para um povo tão sofrido como é nosso. Mas, parece que ela não está preocupada com a falta de água”, criticou o dirigente socialista.