Política

Senador Raimundo Lira é cotado para assumir Casa Civil

Bom relacionamento com oposição seria apontada como credencial. 



O senador Raimundo Lira (PMDB-PB) estaria sendo cotado para assumir a Casa Civil em substituição ao ministro Eliseu Padilha. Conforme a reportagem do site Justiça Em Foco, a gota d´água teria sido a demissão do advogado-geral da União, Fábio Medina Osório, pelo presidente Michel Temer na última sexta-feira (9), após desentendimento com seu padrinho, Padilha. Por isso, políticos ligados a Temer estariam querendo mais espaço no Palácio do Planalto.

De acordo com fontes ouvidas pelo Site Justiça Em Foco, a demissão de Medina não tem nada a ver com o governo pretender abafar a Lava-Jato, conforme publicado na revista VEJA, mas seria pela falta de adaptar-se a novas situações políticas.

Em off, um parlamentar oposicionista ao governo revelou que Eliseu Padilha não seria habilidoso na articulação com os parlamentares até da situação. “O diálogo é indispensável para qualquer governo. O homem certo para ser ministro da Casa Civil é o Senador Raimundo Lira. Os congressistas certamente irão aplaudir”, narra a reportagem.

Ainda segundo o site, o clima pesado nos bastidores pós-impeachment da presidente Dilma Rousseff credencia Lira para ministro da Casa Civil. O senador paraibano, inclusive, estaria recebendo aplausos e elogios de líderes da própria oposição, demonstrando ser um grande articulador político. 

Na tarde desta segunda-feira, o senador Raimundo Lira afirmou que não recebeu convite oficial. 

Atualizada às 16h.