Política

“Faltaram três questões no debate”, diz secretário de segurança da PB sobre reunião com Moro

Uso da tecnologia para facilitar logística de audiências de custódia agradou a Jean Nunes.




A reunião entre o ministro da Justiça, Sérgio Moro, governadores e secretários realizada, nesta segunda-feira (4), foi polêmica. A impressão que ficou para o secretário de Segurança e Defesa Social da Paraíba, Jean Nunes, é de que o encontro foi produtivo, mas três pontos ficaram fora do debate.

“A gente não discutiu três temas que são fundamentais para garantir a segurança pública. Entre eles, a questão da punição para menores, que segundo Moro vai ser tratada separadamente pela complexidade, a fiscalização para explosivos e os repasses financeiros do Sistema Único de Segurança Pública (Susp)”, avaliou.

O assunto que recebeu o apoio de Jean foi o uso da tecnologia que deve facilitar a logística para questões burocráticas como audiências de custódia. Segundo o que foi discutido, videochamadas serão utilizadas para driblar obstáculos como a distância.

O secretário finaliza, destacando que a finalidade da reunião foi intensificar o enfrentamento aos crimes organizado, violento e de corrupção. Também esteve na pauta, o endurecimento das penas e dos indultos cedidos para detentos.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.