Política

Deputados da ALPB terão que ler a bíblia na abertura das sessões

Alteração no Regimento Interno foi proposta por Felipe Leitão e promulgada por Galdino.




Após aberta a sessão, será lido por um deputado, dentre os presentes, o texto bíblico. Foto: divulgação/alpb

Quando os deputados da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) retornarem aos trabalhos legislativos no próximo dia 1º de agosto, poderão incluir a leitura do texto bíblico logo após a abertura. Pelo menos é o que prevê uma resolução promulgada pelo presidente da Casa, deputado Galdino (PSB). As novas regras foram publicadas no Diário do Poder Legislativo desta quarta-feira (19).

A resolução altera o Regimento Interno da Casa para estabelecer que “após aberta a sessão, será lido por um deputado, dentre os presentes, o texto bíblico”.

De acordo com Felipe Leitão (Democratas), autor do projeto aprovado na sessão desta terça-feira (18), a leitura bíblica deve ser feita antes de qualquer coisa, após a abertura da sessão. O deputado que deve fazer a leitura será convidado pelo presidente da Casa.

Conforme explica Felipe Leitão, ao G1, a bíblia ficará na tribuna e o deputado convidado a fazer a leitura escolhe o texto bíblico. No entanto, ele esclarece que o deputado também pode recusar a leitura, mas que o presidente não vai escolher quem não tem a pretensão de fazer a leitura.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.