Política

Corregedoria do CNJ faz inspeção no Poder Judiciário da Paraíba

Trabalhos foram iniciados nesta segunda-feira e seguem até o dia 9 de março.




Fachada do TJPB

A Corregedoria do Conselho Nacional de Justiça iniciou nesta segunda-feira (5) uma inspeção no Tribunal de Justiça da Paraíba. Até o dia 9 de março será fiscalizados os serviços das unidades do Poder Judiciário da Paraíba. De acordo com a Portaria, assinada pelo corregedor nacional, ministro João Otávio de Noronha, a inspeção será realizada nos setores administrativos e judiciais da Justiça comum estadual de 1º e 2º Graus e serventias extrajudiciais do Estado.

O trabalhos foram iniciados com uma solenidade no TJPB, realizada pelo presidente do TJPB, desembargador Joás de Brito, que deu as boas-vindas à equipe do Conselho Nacional de Justiça, e pelo desembargador Carlos Vieira von Adamek, que coordena as inspeções e correições do CNJ. Participaram ainda desembargadores e juízes do TJPB, 2º subprocurador-geral em exercício, Valberto Lira, representando o procurador-geral de Justiça, Francisco Seráphico Ferraz da Nóbrega Filho, que está em viagem ao Sertão; além do presidente da OAB-PB, Paulo Maia e a defensora pública Valéria Lopes.

De acordo com a Corregedoria, o procedimento é rotineiro e ocorre em todos os tribunais de justiça do País. Durante o procedimento, os trabalhos forenses e/ou prazos processuais não serão suspensos.

O expediente da Corregedoria Nacional de Justiça foi publicado no Diário da Justiça eletrônico do TJPB, edição do dia 21 de fevereiro. A Portaria, publicada na edição online do Diário da Justiça do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), do dia 16 de fevereiro de 2018, designou desembargadores, juízes e servidores da Corregedoria Nacional de Justiça, dos Tribunais de Justiça de São Paulo, Paraná e Santa Cantarina, para realizar a inspeção.

Na gestão do corregedor João Otávio de Noronha, já foram realizadas inspeção em 12 Tribunais estaduais: Sergipe, Piauí, Espírito Santo, Maranhão, Amapá, Pará, Rio Grande do Norte, Amazonas, Goiás, Pernambuco, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. O gestor tomou posse em setembro de 2016 e pretende inspecionar todos os tribunais do País até setembro deste ano, quando termina seu mandato.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.