Política

Cartaxo bate Cícero em 97,8% dos bairros de João Pessoa

Petista saiu vitorioso em 55 bairros da capital, de um total de 56, de acordo com dados do TRE-PB.



Rizemberg Felipe
Rizemberg Felipe
Único bairro onde Cícero desbancou Cartaxo, foi o Róger, onde o tucano teve 2.341 votos

A grande diferença de votos conseguida pelo prefeito eleito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT), nas eleições do último domingo também foi refletida no resultado individual por bairros.

O petista saiu vitorioso em 55 localidades da capital, de um total de 56, de acordo com dados divulgados pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE). O senador Cícero Lucena (PSDB) só conseguiu vencer no bairro do Róger.

Os dois candidatos obtiveram os índices mais altos de votação no bairro de Mangabeira, o maior da capital. Cartaxo obteve naquele bairro, somando Mangabeira I, II, IV, VI, VII e VIII, um total de 27.024 votos. A diferença do petista para o tucano em Mangabeira foi de cerca de 17 mil votos, pois o senador conseguiu no localidade 10.505 sufrágios.

Durante toda a campanha, Cícero acusou Cartaxo de ter votado contra a construção de um shopping em Mangabeira na Assembleia Legislativa, acusação esta que o novo gestor sempre rebateu. A julgar pelos números registrados pela Justiça Eleitoral no bairro, as acusações de Cícero não surtiram efeito. Vale ressaltar também que o bairro foi palco do maior evento de campanha de Luciano, quando o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva participou de um comício.

Outra grande vantagem de Cartaxo foi registrada no Valentina Figueiredo, onde ele conseguiu 16.109 votos contra 7.544 do tucano. Nos Bancários, o petista também conseguiu uma larga diferença, com 6.840 contra 2.115 de Cícero.

Cartaxo também venceu com facilidade no Bessa, onde Cícero reside. O petista teve 9.804 votos contra 3.937 do tucano. No Bairro dos Estados, onde Cartaxo mora, o ‘placar’ foi de 4.141 a 1.889.

No único bairro onde Cícero ‘desbancou’ Cartaxo, o Róger, o tucano teve 2.341 votos contra 2.082 do prefeito eleito. O senador usou como uma das suas plataformas de campanha o fato de ter acabado com o lixão do Róger na época em que foi prefeito de João Pessoa. Ele também conseguiu votações expressivas nos bairros Cruz das Armas (6.995) e Cristo Redentor (7.133), mas Cartaxo teve, respectivamente, 12.800 e 15.398.

O petista explicou que sua campanha sempre esteve espalhada por toda a cidade. "Durante nossa campanha do primeiro e do segundo turno, nós percebemos que quanto mais a gente andava nos bairros, a gente recebia a adesão da população. Foi uma campanha que conseguiu massificar toda a cidade", afirmou.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.