Policial

PM prende suspeito de matar dois irmãos

Rapaz de 22 anos foi visto levando os adolescentes para o local em que foram executados; disputa por ponto de drogas pode ter motivado o duplo homicídio.




A polícia prendeu no último domingo na cidade de Mari, na Zona da Mata paraibana, o principal suspeito de ter assassinado, esquartejado e enterrado os corpos de dois adolescentes no último sábado, em um açude da cidade. De acordo com o delegado Reinaldo Nóbrega, titular da delegacia do município, Wellington Ferreira de Sales, de 22 anos, foi visto levando os irmãos William Andrade Ferreira, 17 anos, e Clemilson Andrade Ferreira, 14 anos, para o local em que foram executados.

Vestígios de sangue nas roupas do suspeito foram fundamentais para que ele fosse detido. Além disso, testemunhas revelaram ter visto o suspeito arrastando as vítimas para a cena do crime. “A mãe das vítimas também comentou que dois indivíduos foram à sua casa à procura do seu filho de 17 anos pouco antes deles desaparecerem”, revelou o delegado Reinaldo Nóbrega.

Segundo o delegado, o suspeito já era conhecido pela polícia e estaria envolvido em outros homicídios ocorridos na cidade. O crime bárbaro teria sido motivado por rivalidades relacionadas ao tráfico de drogas e praticado por Wellington Ferreira e dois outros homens.

“Há informações de que as vítimas estariam montando um ponto para a venda de drogas e dessa forma iriam rivalizar com os acusados para o comando do crime na região. Um outro suspeito já foi identificado e nós estamos com algumas fotografias que nós iremos apresentar à mãe das vítimas para que ela possa fazer o reconhecimento”, explicou o delegado Reinaldo Nóbrega,

Conforme Reinaldo Nóbrega, cinco pessoas, entre testemunhas e familiares das vítimas, já foram interrogadas. O suspeito detido foi transferido na manhã de ontem para o presídio da cidade de Sapé. Apesar dos fortes indícios apresentados pela polícia, Wellington Ferreira negou ter qualquer participação no duplo homicídio.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.