Policial

PC prende acusado de chefiar quadrilha de roubos na PB e furtar armas em fórum

Homem é acusado de integrar grupo de roubos a estabelecimentos, ataques contra caixas eletrôncos e furto no fórum de Ingá, no Agreste.




Uma operação da Polícia Civil conseguiu cumprir um mandado de prisão contra Messias Duarte da Silva, 32 anos, acusado liderar uma quadrilha que realizava assaltos a estabelecimentos e ataques contra caixas eletrônicos, na Paraíba. O homem foi preso na manhã desta quinta-feira (23), em Campina Grande, e segundo a polícia ainda é suspeito de fazer parte do grupo que arrombou o fórum da cidade de Ingá, no Agreste paraibano, e roubou cerca de 30 armas de fogo, no ano de 2013. 

A prisão foi realizada por volta das 5h da manhã em um condomínio residencial, localizado no bairro de Bodongó, onde o acusado morava. Segundo o delegado da 3ª Delegacia Distrital (3ªDD) de Campina Grande, Cristiano Santana, na casa do acusado foram apreendidas uma moto super esportiva de 600 cilindradas, uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) falsa e uma televisão. A suspeita da polícia é que a moto seja clonada. O veículo deverá passar por perícia. 

De acordo com o delegado, o homem estava sendo procurado desde o mês de março deste ano, quando foi identificado em um assalto ocorrido em Campina Grande. “Este acusado e mais três homens invadiram um instituto de cirurgias cardiovasculares, no bairro da Prata, e fizeram um verdadeiro arrastão, roubando celulares, dinheiro, objetos e até um carro de clientes e funcionários. As imagens das câmeras de segurança flagraram a ação e nós conseguimos identificá-lo. Ele ainda está sendo apontado por envolvimento em explosão de caixas eletrônicos e no furto ao Fórum de Ingá”, disse o delegado. 

A operação Start, como foi batizada, foi deflagrada pelo delegado e mais cinco agentes de investigação, que tinham o mandado de prisão preventiva e um mandado de busca e apreensão expedidos pela justiça.  Messias Duarte da Silva foi encaminhado para a delegacia, onde negou as acusações. Ele já foi transferido para a Penitenciária Padrão, em Campina Grande. 

 


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.