Policial

Operação prende cinco pessoas e apreende 40kg de maconha em JP

Suspeito de distribuir drogas para traficantes foi preso com armas. Polícia encontrou 35kg da droga no conjunto Renascer I, no Distrito Industrial.




Karoline Zilah
Foto: Walter Paparaazzo

A Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social realizou a Operação Rhiannon, em João Pessoa, no início da manhã desta sexta-feira (29) para tirar de circulação acusados de chefiar o tráfico de drogas. A ação percorreu os bairros do Varadouro, Renascer I, Saturnino de Brito, Trincheiras, Distrito Mecânico e a comunidade Cangote do Urubu, no Centro. Tudo foi acompanhado pelo secretário Cláudio Lima.

Em entrevista à rádio Paraíba FM, ele comentou que a Justiça expediu 26 mandados de prisão e de busca e apreensão. Cerca de 300 policiais, entre civis, militares e bombeiros participaram das buscas desde as 4h. A motivação, segundo ele, foi o aumento dos índices de tráfico de drogas e homicídios na região.

Secretário de Segurança Cláudio Lima e policiais militares recolhem drogas e balança apreendida

Cinco pessoas foram presas e encaminhadas para a Central de Polícia, entre elas uma mulher. No total, foram apreendidos 40kg de maconha e duas armas. De acordo com o tenente coronel Souza Neto, 35kg da droga foram encontradas no conjunto Renascer I, no Distrito Industrial.

O balanço oficial sobre as prisões e o material apreendido será divulgado pela Secretaria de Segurança Pública durante entrevista coletiva às 10h, em João Pessoa.

A operação recebeu o nome de Rhiannon, que é a deusa da morte e do submundo. É também conhecida como a deusa dos pássaros, dos encantamentos, da fertilidade. Ela se identifica com a noite, a emoção, o sangue, a lua, o drama.

O nome foi escolhido para a operação por representar a situação de sofrimento e angústia vivida pela população desses bairros, aterrorizada com o tráfico de drogas e o crescente número de homicídios registrados na região.

Atualizada às 8h44


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.