Policial

Homens invadem igreja e levam o sino de bronze

Sino da capela Nossa Senhora do Rosário, que tem 70 anos de existência, foi roubado. Objeto feito de bronze ficava numa torre de aproximadamente sete metros de altura.




Luzia Santos, do Jornal da Paraíba

Um crime inusitado deixou a população do município de Santa Rita surpresa. Na noite da última terça-feira, o sino da capela Nossa Senhora do Rosário, que tem 70 anos de existência, foi roubado. O objeto feito de bronze ficava numa torre de aproximadamente sete metros de altura. Testemunhas informaram à polícia que dois homens foram vistos carregando o sino em um carro de mão.

A capela histórica pertence à Paróquia Sagrado Coração de Jesus, que tem como representante o padre Luís Carlos. Ele informou à nossa reportagem que ficou sabendo do roubo ainda na noite da terça. “Por volta das 21h, a pessoa responsável pela capela identificou a ausência do sino e me comunicou. Na mesma hora acionei a polícia”, disse. O padre disse que não sabia como tinha acontecido o roubo. “O acesso à torre da capela não é fácil. A construção tem cerca de sete metros de altura e o sino é muito pesado”, complementou.

Ele informou ainda que, pelo fato do objeto ser de bronze, ele pode ter sido roubado por um colecionador. “Já tivemos situações, aqui em Santa Rita, de roubo de imagens históricas em bronze. Geralmente quem faz isso é colecionador. Mas também as pessoas podem ter interesse em fundir o material mas, neste caso, acho que é difícil de se vender por aqui”, falou.

Testemunhas informaram à polícia que um homem teria sido visto no telhado da igreja, na noite da terça-feira. Em seguida, uma moradora informou à polícia que chegou a ver um homem com um carro de mão carregando o sino, sem desconfiar que se tratava de um assalto. Ao ser informado do desfalque o pároco da igreja matriz prestou queixa na 4ª Delegacia Distrital, em Santa Rita. “Estamos trabalhando o caso com as autoridades civil e militar. Até agora, não temos suspeitos”, concluiu.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.