Policial

Duas pessoas são assassinadas a tiros na Grande João Pessoa

Segundo informações da Delegacia de Homicídios da Capital, as duas vítimas teriam envolvimento com o mundo do crime




Dois homens foram assassinados na Grande João Pessoa entre o fim da tarde do sábado (2) e a madrugada deste domingo (3). O último dos casos foi registrado em Várzea Nova, distrito de Santa Rita. Segundo informações da Delegacia de Homicídios da capital, a vítima era um ex-presidiário e, possivelmente, a motivação do homicídio teria sido a sua ligação com o mundo do crime.

A vítima, identificada como  Jurandir José da Silva, de 38 anos, ingeria bebida alcoólica quando foi surpreendida pelos disparos de arma de fogo, dos quais três o atingiram. De acordo com Játhnis Albuquerque, escrivão da Delegacia de Homicídios da capital, ele era ex-presidiário, mas ainda não há maiores indícios da motivação nem da autoria do crime.

Outro homicídio foi registrado no plantão, dessa vez no bairro de Mandacaru, na capital. O crime ocorreu por volta das 17h do sábado e a vítima foi identificada como sendo Juliano Lima Guedes, de 27 anos. Segundo o escrivão Játhnis Albuquerque, a vítima também teria sido atingida por disparos de arma de fogo e veio a óbito ainda no local do crime, que ocorreu na rua Emília Júlia Freire, em Mandacaru.

Também ontem, Juliano teria sido interrogado em uma das delegacias especializadas da capital. “Por esse motivo essa é uma das linhas de investigação que estão sendo levantadas”, adiantou sem dar mais detalhes o escrivão, referindo-se à possibilidade de retaliação devido a esses depoimentos. Apesar dessas informações, a polícia não possui maiores indícios de motivação nem da autoria dos crimes.

Após periciados, os corpos foram encaminhados à Gerência de Medicina e Odontologia Legal (Gemol) de João Pessoa, localizada no bairro do Cristo.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.