Esportes

Vice assume o Treze após a morte de Petrônio, mas projeta novas eleições

Hênio argumenta que para presidir o Treze é necessário participar das atividades diárias do clube.




Hênio de Azevedo Galdino é o novo presidente do Treze Futebol Clube. Pelo menos por enquanto. O mandatário assumiu o cargo após a morte de Petrônio Gadelha, no início de março, mas já deixou claro que dentro de 10 dias pretende entregar o posto ao conselho deliberativo do Galo, para que novas eleições sejam convocadas.

Hênio argumenta que para presidir o Treze é necessário participar das atividades diárias do clube, o que não é o seu caso, já que atualmente reside em Brasília. O antes vice-presidente do Treze deixou claro que, ao compor a chapa vitoriosa para o biênio 2017/2018, nunca pensou em assumir o cargo de forma efetiva, apenas para preencher lacunas emergenciais.

Depois da morte repentina de Petrônio Gadelha, no dia 2 de março, Hênio Galdino seguiu o que manda o estatuto do Treze e, após um prazo de 10 dias, confirmou que assumiria o cargo de presidente do clube.

Continue lendo no GloboEsporte.com/PB