Esportes

Botafogo-PB passeia sobre o Vitória e vence a primeira na Copa do Nordeste

Por duas vezes, Belo precisou de apenas seis minutos para marcar dois gols.




Moysés Suzart/E.C. Vitória
Moysés Suzart/E.C. Vitória
Fernandes marcou primeiro gol na volta ao clube, Wanderson fez duas vezes e Marcinho fez golaço

Por duas vezes, o Botafogo-PB precisou de apenas seis minutos para destruir os sonhos do Vitória e bater o Rubro-Negro baiano por 4 a 2 no Almeidão, pela segunda rodada da Copa do Nordeste. Os gols de Fernandes e Wanderson, aos cinco e 11 minutos do primeiro tempo, deram a impressão de que seria um jogo tranquilo para os donos da casa. A dita tranquilidade foi colocada à prova com o gol de Cleiton Xavier, que diminuiu aos quatro da segunda etapa. Mas não é que, seis minutos depois, Marcinho jogou um balde de água fria nos planos do Leão baiano? Belo gol. E Wanderson, de novo ele, ampliou o marcador no minuto seguinte. Fred ainda descontou em bela cobrança de falta, mas ficou nisso. Que triunfo enorme do Belo.

 
O Botafogo-PB não escondeu a estratégia que adotou para a partida. Desde o minuto inical, o Belo manteve uma marcação a partir da linha de meio de campo, com saídas rápidas em contra-ataques. Foi assim que marcou os dois gols da etapa inicial, com Fernandes e Wanderson. O Vitória tentou criar jogadas pelo meio, mas sofreu com o congestionamento no setor defensivo adversário. Na melhor oportunidade rubro-negra, Kieza recebeu cruzamento dentro da área, mas chutou por cima da meta defendida por Michel Alves.
 
O gol de Cleiton Xavier aos quatro minutos deu aos torcedores rubro-negros a esperança de que o segundo tempo poderia ser diferente. A ilusão durou exatos seis minutos. Após uma bobeada monstruosa da defesa do Vitória, Marcinho apareceu livre na área e marcou o terceiro. Um minuto depois, nova falha da defesa e o quarto gol, dessa vez de Wanderson. 
 
Continue lendo no GloboEsporte.com/pb.