Esportes


Torcida do Treze critica possível venda do PV, mas diretoria minimiza

Na prática, contudo, tanto a venda como a permuta tiraria o estádio das mãos do Galo.




Polêmica em torno do Estádio Presidente Vargas, a casa do Treze e principal patrimônio do clube de Campina Grande. A diretoria alvinegra fala abertamente na possibilidade de realizar uma “permuta judicial” envolvendo o PV com o objetivo de quitar parte das dívidas trabalhistas do clube, mas esta postura já começa a provocar protestos por parte da torcida.

Os boatos, a princípio, indicavam uma suposta venda do PV. E, revoltados, um grupo de trezeanos foi neste final de semana ao Calçadão da Cardoso Vieira – tradicional ponto de discussões da cidade – para reclamar dos dirigentes. No ato, os torcedores se posicionaram contrários a qualquer tipo de negociação envolvendo o estádio do Treze.

Continue lendo no GloboEsporte.com/pb.