Esportes


Mãe de jogador da Chapecoense morto em acidente consola repórter

Encontro emocionante aconteceu durante programa do SporTV.




O repórter Guido Nunes, do SporTV, recebeu um consolo inesperado durante uma entrevista realizada na manhã desta sexta-feira (2) sobre a morte de um dos jogadores da Chapecoense. O conforto veio de Alaíde Padilha, mãe do goleiro Danilo, uma das vítimas do acidente aéreo.

Após ser questionada a respeito da dor de perder o filho e reclamar da demora para revê-lo, ela perguntou ao jornalista como ele estava se sentindo com a morte dos colegas de imprensa e pediu para dar um abraço nele. Guido não conteve as lágrimas.

"Posso fazer uma pergunta? Como vocês, da imprensa, estão se sentindo tendo perdido tantos amigos queridos lá? Pode me responder? Posso te dar um abraço em nome da imprensa?", afirmou.

Alaíde ainda contou o drama de não receber notícias do jogador. "Acho que a pior coisa foi isso. Se tivesse acontecido igual aos outros, você já tinha perdido a esperança e pronto. Mas ficamos o dia inteiro e só fomos ter a confirmação da morte dele às 3h da tarde. Foi das 3h da manhã até 3h da tarde nessa agonia", relatou.

Assista ao vídeo do momento emocionante: