Esportes

Final da Copa do Brasil é adiada após tragédia da Chapecoense

Grêmio e  Atlético-MG jogariam na quarta-feira (30) no Rio Grande do Sul.



A CBF divulgou em seu site oficial que a segunda partida da final da Copa do Brasil, que seria disputada por Grêmio e Atlético-MG, no Rio Grande do Sul, está suspensa por tempo indefinido. O jogo estava previsto para a próxima quarta-feira (30), mas, devido à tragédia do voo da Chapecoense para Medellín, que deixou mais de 70 mortos, a entidade decidiu por adiar a decisão. O time catarinense viajava para enfrentar o Atlético Nacional, da Colômbia, no que seria o duelo de ida da final da Copa Sul-Americana e a primeira decisão internacional da história do clube. A Conmebol divulgou nota cancelando o duelo

Lásaro Cândido, diretor jurídico do Atlético-MG, já havia se pronunciado nesta terça-feira, lamentando o ocorrido e cobrando uma posição da entidade máxima do futebol sobre a final da Copa do Brasil.

“É uma tragédia, lamentamos muito o acidente. Mas não tivemos nenhuma confirmação sobre o adiamento ou o cancelamento da final da Copa do Brasil. Imagino que o jogo deva ser adiado. Mas, à princípio, o voo do Atlético está confirmado, mas imagino que até o horário do voo, no início da tarde, já devemos ter uma definição”, disse o dirigente, antes do comunicado da CBF.

No duelo de ida da final da Copa do Brasil, o Grêmio venceu o Galo por 3 a 1, em Belo Horizonte