Esportes

Paraibano Petrúcio Ferreira leva Brasil à prata no revezamento

Corredor voou e foi o maior responsável pela medalha brasileira.



Divulgação
Divulgação

O paraibano Petrúcio Ferreira conquistou mais uma medalhas na Paralímpiada do Rio de Janeiro. Depois do ouro nos 100m T47, o corredor voou mais uma vez no Engenhão e liderou a equipe brasileira na conquista da prata no revezamento 4x100m rasos T42-47, na segunda-feira (12). O quarteto do Brasil, completado por Yohansson Nascimento, Renato Cruz e Alan Fonteles, alcançou o tempo de 42s04, ficando atrás apenas dos alemães(40s82). Os americanos chegaram a comemorar novo recorde mundial mas foram desclassificados. O Japão completou o pódio (44s16).
 

“Foi de lavar a alma. Correr ao lado desses caras é uma experiência muito grande. Conquistamos a prata em Pequim e de novo em Londres, mas lá fomos desclassificados. Agora ganhamos de novo em casa. Já estávamos comemorando o bronze, quando anunciaram a prata foi uma nova comemoração. Foi a realização de um sonho ganhar uma medalha dentro de casa. Só me motiva mais. Rumo a Tóquio. Vou me preparar ao máximo para chegar bem a essa cidade que é tão maravilhosa quanto o Rio. Vim em busca de medalha. Infelizmente me machuquei nos 200m. Estou com bandagem, todo remendado para correr esse revezamento. Acabei não entrando na final dos 200m, mas conquistar uma medalha em casa vale muito”, disse Alan Fonteles.

Leia mais no Globoesporte.com/pb