Esportes

Brasília abre o revezamento da Tocha Paralímpica nesta quinta-feira

Símbolo dos Jogos Paralímpicos será conduzido por um total de 103 pessoas.



Roberto Castro/ME
Roberto Castro/ME
Tocha Paralímpica passará por Brasília nesta quinta-feira (1º)

Assim como ocorreu com o fogo olímpico no dia 3 de maio, o Distrito Federal será a primeira unidade da Federação a receber a chama dos Jogos Paralímpicos Rio 2016. A Tocha Paralímpica passará por Brasília nesta quinta-feira (1º).

O símbolo dos Jogos Paralímpicos será conduzido por um total de 103 pessoas e durante o revezamento pela capital a chama passará pelo Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek, Parque das Garças, unidade da Rede Sarah do Lago Norte, Instituto Cultural, Educacional e Profissionalizante de Pessoas com Deficiência (Icep), Setor de Indústria e Abastecimento, Escola Nacional de Administração Pública (Enap) e Associação de Centro de Treinamento de Educação Física Especial (Cetefe), ambas no Setor Policial Sul, além de passar pelo Centro de Ensino Especial de Deficientes Visuais (CEEDV), na Asa Sul.

Depois, a Tocha voltará ao Parque da Cidade, onde haverá a festa de encerramento. O ponto de chegada e de partida será o Estacionamento 12, que está fechado desde o dia 25 para montagem da estrutura. Serão, apenas no local, 82 condutores, que se revezarão pelo percurso de 10 quilômetros na pista de caminhada.

Atrações musicais

O Parque da Cidade é o local mais indicado para quem quer ver de perto o revezamento, já que a maior parte dos outros locais continuará com as atividades ocorrendo normalmente. O protocolo inicial começará às 9h30 e o comboio para as visitas da chama sairá do estacionamento às 10h05 e retornará às 16h15. No parque, cada condutor percorrerá, em média, 120 metros.

As atividades culturais no Estacionamento 12 terão início às 15h45. Cinco atrações locais passarão pelo palco (Josué do Cavaquinho, Namastê, Nó Cego, Luna Cavalcante e Surdodum).