Esportes

Treze e Campinense têm temporada de 2016 encerrada no mês de agosto

Treze está com atividades paradas há quase quatro meses.



Silas Batista / GloboEsporte.com/pb
Silas Batista / GloboEsporte.com/pb
Maiorais tiveram mais uma temporada marcada por insucessos em 2016

Mais uma vez a temporada termina melancólica para o futebol de Campina Grande. Os Maiorais, Campinense e Treze, terminaram o ano de 2016 acumulando insucessos e sem conseguir atingir seus principais objetivos. Outro fator que contribui para o clima ruim no futebol da Rainha da Borborema é que, antes do mês de setembro, as atividades profissionais na cidade estão encerradas e os clubes só voltam a campo no Campeonato Paraibano do próximo ano.

Em comparação ao Campinense, eliminado neste domingo da Série D do Campeonato Brasileiro, a situação do Treze é bem mais delicada. O time acabou o Campeonato Paraibano apenas na quinta colocação, eliminado na primeira fase. E com isso está há quase quatro meses sem atividades no seu departamento de futebol profissional. Para o próximo ano, a perspectiva também não é das melhores para o Treze. Como fez uma campanha fraca em 2016, o time tem garantido novamente só a participação no estadual, já que as duas vagas da Série D do próximo ano já estão definidas, de acordo com uma nova determinação da CBF.

A Raposa também não tem tantos motivos assim para comemorar. Apesar da conquista do bicampeonato paraibano no primeiro semestre, o time falhou mais uma vez no que vinha sendo apontado como a principal aposta da temporada, que era a conquista do acesso para a Série C do próximo ano.

Leia a matéria completa em GloboEsporte.com.