Esportes

Brasil de ouro: relembre as medalhas conquistadas pelo país na Rio 2016

No Rio, Brasil garantiu a melhor campanha do país em Olimpíadas.



Com a vitória da seleção masculina de vôlei neste domingo (21), o Brasil conquistou o seu sétimo ouro e garantiu a melhor campanha do país em Olimpíadas - terminando as Olimpíadas em 13º lugar, com outras seis pratas e seis bronzes -, superando o recorde de cinco medalhas douradas obtidas nos Jogos Olímpicos de Atenas, em 2004.

O primeiro ouro do país foi conquistado por Rafaela Silva no dia 8 de agosto, no judô peso leve (-57kg). A atleta carioca, que ocupa atualmente a 14ª posição no ranking mundial, venceu a mongol Dorjsürengiin Sumiya por wazari, no tempo regulamentar. Com a vitória, Rafaela se tornou a primeira atleta do judô brasileiro, entre homens e mulheres, a ser campeã olímpica e mundial.

No dia 15 de agosto, Thiago Braz conquistou a medalha de ouro e bateu o recorde olímpico no salto com vara masculino em uma disputa acirrada contra o francês Renaud Laevilleni. Na disputa do ouro, Laeville conseguiu 5,98 m e o brasileiro o superou com 6,03 m, estabelecendo um novo recorde olímpico. O brasileiro figura entre os dez melhores do mundo na modalidade.

O boxeador Robson Conceição garantiu a terceira medalha dourada para o Brasil no dia 16 de agosto. Foi a primeira medalha de ouro do boxe brasileiro em Olimpíadas. O atleta, que ficou na 17ª posição em Pequim e Londres, foi recebido com festa na sua cidade natal, Salvador.

A quarta medalha dourada veio com a dupla Martine Grael e Kahena Kunze no dia 18 de agosto, na prova de vela 49er FX feminino. "Para Tóquio, obviamente, a gente vai chegar com peso, mas há muita coisa para acontecer até lá", disse Kahena.

Bruno Schmidt e Alison Cerutti ficaram com o primeiro lugar no pódio na madrugada de 19 de agosto, em um jogo impecável contra os italianos Nicolai e Lupo. Os brasileiros venceram por 2 sets a 0 em 45 minutos de jogo.

A seleção brasileira de futebol conquistou o sexto ouro do país ao vencer, nos pênaltis, a seleção da Alemanha, em partida disputada neste sábado. Após a partida, o técnico da seleção afirmou que o futebol brasileiro "não está morto".