Esportes

Brasileiros do tênis de mesa têm vitórias no Aberto da Coreia

Na madrugada esta quarta (22)  todos os brasileiros venceram e seguiram vivos na competição.



A seleção brasileira de tênis de mesa obteve um ótimo primeiro dia de disputas em Incheon, onde é disputado o Aberto da Coreia, etapa da série Super do Circuito Mundial 2016. Na madrugada desta quarta-feira (22), todos os brasileiros venceram e seguiram vivos na competição.

Pela fase preliminar, Hugo Calderano (62º colocado no ranking mundial) bateu o sul-coreano Inhyeok Choi por 4 a 0 (11/7, 11/6, 11/6 e 11/6) e Cazuo Matsumoto (108º) superou o sueco Elias Ranefur pelo mesmo placar – parciais de 11/4, 11/9, 11/5 e 11/7. Gustavo Tsuboi (83º), por sua vez, derrotou o local Jaehyun An por 4 a 1 (6/11, 11/8, 11/7, 11/7 e 11/7).

Eric Jouti (200º) bateu o sul-coreano Minseok Kim, que ocupava até o mês passado a 62ª posição do ranking e não deixava o top 50 desde setembro de 2012: 4 a 2, parciais de 11/8, 4/11, 12/10, 15/13, 6/11 e 11/7.

Vitor Ishiy (238º) eliminou o japonês Kohei Sambe (88º) em um jogo muito disputado, vencido por 4 a 3: 12/10, 11/13, 11/7, 9/11, 12/10, 10/12 e 13/11. Único representante da seleção no sub-21, onde ocupa a 58ª posição no ranking, Vitor derrotou Lee Chia-Sheng, de Taipei, por 3 a 0 (11/7, 15/13 e 11/7).

Os cinco brasileiros voltam à mesa nesta quinta-feira (23), precisando de mais um triunfo para chegar à chave principal individual da competição em solo sul-coreano. Com transmissão ao vivo do site da ITTF, Eric Jouti enfrenta o iraniano Noshad Alamiyan (118º), às 3h (horários de Brasília).

Cazuo Matsumoto terá pela frente o croata Andrej Gacina (20º), às 3h; Hugo Calderano encara Yang Tzu-Yi (196º), de Taipei, às 3h45; no mesmo horário, Gustavo Tsuboi enfrenta Yeh Chih-Wei, de Taipei; e o coreano Seungmin Cho será o rival de Vitor Ishiy, também às 3h45.

No torneio sub-21, Vitor duela com o anfitrião Jonghoon Lim (14º), às 22h45 desta quarta-feira (22), pelas oitavas de final. Nas duplas, Calderano e Tsuboi estrearão nas oitavas contra os egípcios Khalid Assar (214º) e Omar Assar (39º), às 6h45 de quinta, com transmissão ao vivo pelo site da ITTF (mesa 2).

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.