Esportes

Com pênaltis polêmicos, Sousa vence o Botafogo e abre boa vantagem

Dinossauro agora perder por um gol de diferença no jogo de volta, dia 24, em João Pessoa.



O Sousa saiu na frente e conseguiu uma boa vantagem no duelo contra o Botafogo-PB, no mata-mata da segunda fase do Campeonato Paraibano. Jogando em seu estádio, o Marizão, o Dinossauro venceu por 3 a 1, neste domingo (10), e agora pode até perder por um gol de diferença no jogo de volta, dia 24, em João Pessoa.

Mas o início da partida fazia crer que a tarde seria botafoguense. Com apenas cinco minutos de jogo, Val abriu o placar para o Belo. Marcar o primeiro gol tão cedo deu tranquilidade ao Botafogo, que passou a controlar as investidas do adversário e buscar os contra-ataques através do estreante Danielzinho.

O problema é que essa postura exigia erro zero. E não foi o que aconteceu, principalmente porque o sistema defensivo do Belo falhou muito.O Sousa passou a rondar a área botafoguense e, numa cabeçada despretensiosa de Tarcísio, chegou ao empate numa falha clamorosa de Michel Alves.

No intervalo, Itamar Schülle tentou retomar as ações, com as entradas de Jó Boy e Janeudo, nos lugares de Danielzinho e Léo Henrique. Antes que qualquer mudança surtisse efeito, o Sousa virou a partida num pênalti polêmico marcado pelo assistente Broney Machado, que viu mão do lateral Zeca dentro da área. Manú marcou.

Na sequência, outro pênalti, desta vez cometido por Magno Alves em Dico. O estreante Giancarlo bateu bem e definiu a partida.

A vitória do Sousa tirou a invencibilidade do Botafogo no Campeonato Paraibano. Em dez jogos na fase de classificação, o Belo tinha vencido seis e empatado quatro. Agora, só o Campinense está invicto. Por outro lado, caiu uma longa escrita, já que os sertanejos não venciam o rival há seis anos.