Esportes

Brasil reage e arranca empate com o Paraguai no fim do partida

Depois de estar perdendo por 2 a 0, Seleção vai buscar a igualdade contra o Paraguai pelas Eliminatórias.



Rafael Ribeiro/CBF
Rafael Ribeiro/CBF

Um gol aos 46 minutos do segundo tempo marcado por Daniel Alves livrou a Seleção Brasileira da derrota para o Paraguai na noite de ontem, em Assunção. Foi o desfecho de uma reação dramática do time de Dunga, que perdia por 2 a 0 e foi buscar o empate, evitando mais pressão nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

O empate por 2 a 2 tirou o Brasil do G-5, mas evitou um prejuízo maior. Afinal, segurou o Paraguai com os mesmos 9 pontos dos brasileiros e, mais que isso, a apenas quatro pontos dos líderes, Uruguai e Equador, que têm 13 pontos.

No jogo de ontem, o Brasil entrou com um esquema bem defensivo, com três volantes - Fernandinho, Luiz Gustavo e Renato Augusto, e três homens de frente - William, Ricardo Oliveira e Douglas Costa.

Sem articulação, o time foi pressionado pelo Paraguai, a ponto de o goleiro Alisson se transformar no principal jogador brasileiro. Isso até os 40 minutos, quando Lezcano abriu o placar.

No intervalo, Dunga trocou Fernandinho por Hulk. Antes que a substituição fizesse qualquer sentido, Benítez marcou o segundo gol paraguaio, aos 3 minutos da segunda etapa.

A partir daí, o Paraguai se acomodou. Cedeu espaço e o Brasil se aproveitou. Ricardo Oliveira diminuiu, aproveitando chute de Hulk e rebote de Villar. Já com Lucas Lima e Jonas em campo, o time canarinho se soltou e fez uma intensa pressão, que resultou no empate, aos 46 minutos, com Daniel Alves.

OUTROS JOGOS

Outros resultados de ontem: Colômbia 3 x 1 Equador, Argentina 2 x 0 Bolívia, Uruguai 1 x 0 Peru e Venezuela 1 x 4 Chile.