Esportes

Botafogo esquece eliminação e volta aos treinos

A missão agora é se concentrar no Campeonato Paraibano, já que a equipe de Itamar Schülle volta a campo já neste domingo.



A Copa do Nordeste já é passado para o Botafogo. A derrota de 3 a 1 para o Sport selou a participação do Belo na competição regional, mas não teve maiores impactos nos objetivos do clube. A missão agora é se concentrar no Campeonato Paraibano, já que a equipe de Itamar Schülle volta a campo já neste domingo, no clássico contra o Auto Esporte.

Para não perder tempo, a reapresentação aconteceu ontem à tarde na Maravilha do Contorno. Já classificado e com o primeiro lugar do Grupo B assegurado, o Botafogo pode poupar alguns jogadores na partida de domingo, mas isso não está decidido ainda. Certas mesmo são as ausências dos atacantes Carlinhos e Muller Fernandes, expulsos contra o Campinense na rodada passada. Além deles, Pedro Castro, machucado, segue fora da equipe.

Itamar Schülle reluta em escalar um time reserva pois o Belo ainda tem chances de terminar a primeira fase com a melhor campanha do Campeonato Paraibano, o que pode até valer a classificação para as semifinais - o melhor entre os três derrotados na segunda fase segue na competição. Por isso, a vitória é tratada como prioridade no Botauto.

A derrota para o Sport deixou o Botafogo na lanterna do Grupo D da Copa do Nordeste. Ainda assim, a campanha foi valorizada pelos jogadores. A opinião geral é que o time fez bons jogos contra o Sport (apesar das duas derrotas) e levou a melhor no confronto direto com o Fortaleza (um empate e uma vitória). O fiel da balança acabou sendo os dois duelos contra o River, quando os paraibanos somaram um ponto.

"Acho que perdemos a nossa classificação nos jogos em casa. A gente sabia que era difícil enfrentar o Sport na Ilha e vencer por goleada. Perdemos pontos importantes jogando no Almeidão",  emendou Michel Alves, se referindo à derrota para o Sport e ao empate com o River nos jogos disputados em João Pessoa.