Esportes

Neymar sente o músculo, mas vai jogar pelo Brasil contra o Uruguai

Dunga colocou o time titular para treinar e craque da Seleção sentiu dores. Exames, contudo, mostraram que ele está bem.



Rafael Ribeiro/CBF
Rafael Ribeiro/CBF
Seleção Brasileira encerrou preparação na Granja Comary antes do embarque para Recife

Mesmo time, craque em campo. Na tarde de ontem, no último treino da seleção brasileira na Granja Comary antes da partida contra o Uruguai, o técnico Dunga repetiu a escalação da atividade da última terça. Manteve mais uma vez o sistema tático aprovado na vitória por 3 a 0 sobre o Peru, em novembro do ano passado, e escalou Fernandinho ao lado de Luiz Gustavo e Renato Augusto no meio-campo.

As atenções estavam voltadas para Neymar. Depois de sentir um desconforto muscular e realizar exame em um hospital de Teresópolis, o camisa 10 participou sem limitações da atividade.

O resultado do exame de imagem não apontou lesão - a CBF não divulgou o local do problema. Neymar foi o último a entrar em campo, mas correu, driblou e marcou pelo menos dois belos gols no treino. No fim do trabalho, chegou a cair após um choque e parecia sentir dores no tornozelo direito, mas foi apenas um novo susto. Logo levantou e seguiu na atividade. No fim do trabalho, Dunga ainda fez um teste: colocou Ricardo Oliveira no time titular na vaga de Renato Augusto.

Os titulares treinaram com Alisson, Daniel Alves, Miranda, David Luiz e Filipe Luís; Luiz Gustavo, Fernandinho e Renato Augusto (Ricardo Oliveira); Willian, Douglas Costa e Neymar. O time reserva foi formado por Diego Alves, Danilo, Marquinhos, Gil e Alex Sandro; Oscar, Coutinho e Lucas Lima; Ricardo Oliveira (Renato Augusto), Jonas e Hulk.

No fim, alguns jogadores distribuíram fotos e autógrafos para os cerca de 150 torcedores que acompanharam o trabalho que encerra a preparação para o primeiro de dois jogos pelas Eliminatórias.