Esportes

Campinense humilha o Esporte por 7 a 1 e continua forte na liderança

Rodrigão e Pitbull marcaram três vezes cada e ajudaram o time a se isolar ainda mais na liderança do Grupo A do Campeonato Paraibano.



Leonardo Silva
Leonardo Silva
Rodrigão marcou três vezes na partida contra o Esporte de Patos

Assim como vem acontecendo na Copa do Nordeste, o Campinense segue sem derrotas na temporada. Neste domingo, a Raposa entrou em campo para encarar o Esporte de Patos e não tomou conhecimento do adversário no Estádio Amigão. Com uma boa atuação do volante Fernando Pires e com Rodrigão, mais uma vez, com o faro de gol apurado, o Rubro-Negro conquistou mais três pontos no estadual, ao massacrar o Patinho com uma goleada pelo placar de 7 a 1.

A primeira etapa começou com grande movimentação. Aos 22 minutos, Raul aproveitou a boa jogada de Filipe Ramon, pelo lado esquerdo do ataque, e com uma conclusão precisa abriu o placar no Amigão. Cerca de cinco minutos depois, o Campinense encontraria seu segundo gol na partida. Fernando Pires fez boa jogada, passou para Rodrigão que acabou errando o chute, mas acabou contando com um erro ainda maior do goleiro Andrezon, que aceitou o chute, aumentando a vantagem raposeira.

Pouco depois, o Esporte teria um sopro de esperança no jogo. Ruan invadiu a área e acabou sendo derrubado por Magno. Pênalti marcado e Eduardo Rato bateu com muita força, deslocando o goleiro Glédson, e descontando para o Patinho. Só que antes do árbitro encerrar a primeira etapa, Rodrigão ainda marcaria mais uma vez. Novamente após a jogada iniciada por Fernando Pires, o camisa 9 subiu mais que a defesa sertaneja, não cabeceou tão firme assim, mas contou com uma nova falha de Andrezon, dando números finais ao primeiro tempo: 3 a 1.

Com os 3 a 1, seria natural que o Campinense desse uma aliviada no segundo tempo. Só que o aconteceu foi justamente o contrário. Logo aos nove minutos, Rodrigão se aproveitou de mais uma falha do goleiro do Esporte e marcou seu terceiro no confronto. E tinha mais pela frente. Substituto de Rodrigão na partida, Pitbull entrou em campo e foi logo marcando. Aos 16, ele aproveitou o passe de Paulinho e só mandou para o fundo da rede, ampliando ainda mais a goleada.

E o Campinense estava insaciável. Pitbull mais uma vez aproveitou a troca de passes na entrada da área e com categoria mandou para o gol do Esporte, marcando o sexto da Raposa no Amigão. Coube ao próprio Pitbull fechar a goleada deste domingo. De pênalti, o atacante fez o seu terceiro, se igualando a Rodrigão na artilharia do confronto, deu números finais ao jogo em Campina Grande: 7 a 1 para o Campinense, mais líder do que nunca do Grupo A do Campeonato Paraibano.

Leia mais no Globoesporte.com/pb