Esportes

Botafogo precisa vencer o Fortaleza para continuar com chances no Nordestão

Desde que os dois times voltaram a se enfrentar regularmente, o Belo ainda não venceu.



É a última cartada. Ou o Botafogo vence hoje à noite no Estádio Almeidão sua primeira partida na Copa do Nordeste de 2016 ou pode esquecer a competição e passar a se concentrar de forma mais exclusiva ao Campeonato Paraibano. E o jogo é mais uma vez contra o Fortaleza (às 21h45), rival da semana passada, e que possui um incrível retrospecto contra o clube pessoense.

Desde que os dois times voltaram a se enfrentar regularmente, em 2014, quando o Belo jogou pela primeira vez a Série C, já se foram sete jogos entre as duas equipes (quatro pela Série C e três pela Copa do Nordeste), sendo que em nenhuma vez o time pessoense saiu com a vitória. Ao todo, fora quatro empates e três derrotas.

O histórico recente não ajuda. A campanha do time no Nordestão também não. Mas ainda assim o time do técnico Itamar Schülle tem motivos para se animar e manter a confiança.

O principal deles? Na semana passada, quando o jogo foi na Arena Castelão, na capital cearense, o Belo jogou melhor e teve chances de sair com a vitória. Mas ainda assim conseguiu arrancar um empate fora de casa. E para completar, vem de vitória no Paraibano por 3 a 0, contra o Paraíba, o que dá ânimo ao ataque que vinha sendo criticado pelo número de gols perdidos.

Com relação à escalação, o time tem alguns problemas. Mas Itamar tenta minimizar os problemas. Val é dúvida e só será testado momentos antes da partida. E Gedeil foi vetado. Em compensação, Plínio foi liberado e volta a ser opção.

Pelo lado do Fortaleza, Everton e Núbio Flávio não foram relacionados por opção do técnico Flávio Araújo. O zagueiro Lima, os meias Daniel Sobralense e Elias estão machucados e também não jogam.