Esportes

Treze quer aumentar a capacidade do Presidente Vargas

Galo busca parcerias para reformar a arquibancada geral e também melhorar o gramado.



O presidente do Treze, Petrônio Gadelha, afirmou ontem que pretende viabilizar algumas reformas e melhorias no Estádio Presidente Vargas para o Campeonato Paraibano do próximo ano. De acordo com o mandatário alvinegro, a intenção da diretoria é aumentar a capacidade da arquibancada geral da praça esportiva, que hoje gira em torno de 3 mil torcedores, e fazer pequenas intervenções no gramado do PV.

"Estamos empenhados inicialmente em organizar as receitas financeiras do Treze, que neste momento se encontram muito bagunçadas, mas claro que pensamos em fazer melhorias no estádio Presidente Vargas. Conversei com alguns diretores, e nossa meta é aumentar a capacidade da arquibancada geral, porém ainda faremos estudos, a fim de saber como poderemos fazer isso", disse Petrônio Gadelha.

O dirigente também revelou a preocupação com o gramado. "Ele precisa passar por algumas intervenções. Espero conseguir e estar com tudo isso pronto para o Campeonato Paraibano", emendou o presidente.

Apesar da vontade da diretoria, Petrônio Gadelha deixou claro que as reformas só vão ser efetuadas caso a diretoria levante os recursos financeiros suficientes. Até o momento, a nova gestão do Treze ainda não anunciou nenhum patrocinador para a próxima temporada. A capacidade pretendida pela diretoria é outro ponto ainda não definido.

O mês de novembro tem sido bastante movimentado nos bastidores do Presidente Vargas. Isso porque a diretoria já anunciou boa parte da comissão técnica que vai ser liderada pelo treinador Marcelo Vilar e o gerente de futebol Gil Baiano. Os dois vão ser os principais responsáveis pela montagem do elenco que vai disputar o Campeonato Paraibano em 2016.
(Especial para o JP)