Esportes

Fluminense respira tranquilo na liderança do Brasileirão

Já são seis pontos de vantagem sobre o vice-líder Atlético-MG.




A vitória sobre o Flamengo fez o Fluminense respirar tranquilo na liderança do Campeonato Brasileiro. Já são seis pontos de vantagem sobre o vice-líder Atlético-MG. Após o triunfo por 1 a 0 no domingo, o técnico Abel Braga mandou uma indireta para o comandante atleticano Cuca, que na semana passada reclamou muito de um pênalti não marcado para o Náutico na partida vencida pelo Tricolor por 2 a 1 em Volta Redonda.

“Acho que nosso grande segredo é nos preocuparmos somente com o próprio Fluminense. Ultimamente temos escutado muita coisa. Tem gente falando do time dos outros. Eu não falo dos outros times. Ninguém no Fluminense fala. Nós assumimos, entendemos, nos policiamos, nos criticamos, nos elogiamos, mas somente a nós mesmos. Temos sabido conviver também com os resultados ruins e com atuações que não foram tão boas”, resumiu Abel, sem citar Cuca nominalmente.

Além da reclamação, o técnico do Galo voltou a citar o Fluminense ao dizer que torceria para que o Flamengo mantivesse no clássico a pegada demonstrada diante dos mineiros na última quarta. A indireta do treinador serve também para o meia Juninho Pernambucano, outro que reclamou em entrevistas do suposto pênalti a favor do Náutico.

Após a 17ª vitória em 27 jogos, o elenco do Fluminense ganhou a segunda-feira de folga. Apenas os zagueiros Anderson e Leandro Euzébio farão tratamento nas Laranjeiras. A reapresentação da equipe está marcada para a tarde de hoje.

SABOR ESPECIAL
O gol de Fred sobre o Flamengo nesse domingo teve um sabor especial para o atacante Fred. É a segunda vez que ele marca contra o arquirrival jogando pelo Flu e a segunda neste campeonato. Melhor: nas duas vezes o gol foi o da vitória.

Isto porque o primeiro gol do centroavante sobre a equipe da Gávea só havia sido marcado no primeiro turno desta edição do Brasileirão, em vitória tricolor também por 1 a 0 .

“Cobravam muito de mim pelo fato de eu nunca ter feito gols no Flamengo. Eu mesmo me cobrava muito, enfim eles vieram. Em um momento mais do que especial, que é o centenário do clássico mais importante do país”, disse ele, lembrando que o Fla-Flu completou 100 anos em 2012. Ele diz ainda que sua boa fase é reflexo da união do grupo.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.