Esportes

Apesar da liderança no Paraibano, Campinense demite o técnico Celso Teixeira

Decisão foi tomada no fim da manhã desta segunda-feira (26) após reunião entre dirigentes




Celso Teixeira não é mais técnico do Campinense. Apesar da liderança do Grupo A do Campeonato Paraibano e da classificação antecipada para o mata-mata, a diretoria da Raposa decidiu encerrar a passagem do treinador à frente do time. A decisão foi tomada no fim da manhã desta segunda-feira (26) após reunião entre dirigentes rubro-negros.

“Foi demitido sim. Já estamos trabalhando para anunciar um novo nome o quanto antes”, resumiu o gerente de futebol da Raposa, Marquinhos Marabá.

Com Celso Teixeira no comando, o Campinense disputou nove partidas oficiais nesta temporada, todas pelo estadual. O treinador levou o time a seis vitórias, dois empates e uma derrota. Essa derrota foi justamente no Clássico dos Maiorais, contra o Treze, pela quinta rodada do Paraibano. O aproveitamento do treinador à frente da equipe é de 74,1%, o melhor entre os 10 participantes da competição. E a Raposa ainda tem o segundo melhor ataque, com 15 gols marcados, e a melhor defesa, com apenas três sofridos.

Apesar dos números bem favoráveis, a diretoria optou pela mudança no comando. Os comentários de bastidores é de que o treinador não tinha boa aceitação dentro do elenco e que essa situação se tornou insustentável. Há também o fato de que, apesar da liderança, o time caiu de produção ao longo do Paraibano, passou a receber críticas da torcida e, com o empate sem gols com o Serrano-PB nesse domingo – e as vitórias de Botafogo-PB e Sousa sobre Desportiva Guarabira e Treze respectivamente – colocaram em xeque a liderança do Rubro-Negro no Grupo A.

Leia mais no Globoesporte.com/pb