Educação

Paraibanos são premiados por desenvolver aplicativo para TV Digital

Ricardo Mendes Costa Segundo e Herbet Ferreira desenvolveram o aplicativo GingaHero, que é um jogo desenvolvido para TV Digital. Prêmiação aconteceu no dia 8 deste mês, em BH.




Da Assessoria da UFPB

Os alunos do Programa de Pós-Graduação em Informática da Universidade Federal da Paraíba, Ricardo Mendes Costa Segundo e Herbet Ferreira foram contemplados no I Concurso Latino-Americano de Conteúdo para TV Digital Interativa, promovido pela Sociedade Brasileira de Computação (SBC), com a aplicação interativa GingaHero.

O prêmio foi entregue no dia 8 de outubro, em Belo Horizonte, durante o evento II Workshop de TV Digital Interativa (WTVDI). Ricardo Mendes Costa Segundo está sob a orientação da professora Tatiana Aires Tavares, do Laboratório de Aplicações de Vídeo Digital (Lavid).

GingaHero

O aplicativo premiado GingaHero, consiste num jogo desenvolvido para TV Digital (SBTVD) utilizando o middleware Ginga que é constituído por um conjunto de tecnologias padronizadas e inovações brasileiras que tornam a especificação de middleware mais avançada e a melhor solução para os requisitos do país.

O middleware aberto Ginga é subdividido em dois subsistemas principais interligados que permitem o desenvolvimento de aplicações seguindo dois paradigmas de programação diferentes. Dependendo das funcionalidades requeridas no projeto de cada aplicação, um paradigma será mais adequado que o outro. Esses dois subsistemas são chamados de Ginga-J (para aplicações procedurais Java) e Ginga-NCL (para aplicações declarativas NCL).

O Ginga é fruto do desenvolvimento de projetos de pesquisa coordenados pelos laboratórios Telemídia da Pontifícia Universidade Católica (PUC), do Rio de Janeiro e Laboratório de Aplicações de Vídeo Digital (Lavid), da UFPB.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.