Economia e Negócios

Software que integra todas as fases da construção civil é apresentado em Campina Grande

Workshop sobre ‘BIM’ é promovido pelo Sebrae na quarta-feira (22)




Construção, obra, construção civil, prédio, edifício

Um sistema que promete otimizar o trabalho dos projetos de construção, fazendo uma junção entre todas as fases dele, desde a planta, passando pela arquitetura e decoração e também questões burocráticas de alvará de construção. Tudo isso sendo trabalhado numa plataforma virtual que pode ser usada por todos os profissionais envolvidos, sendo acessado de forma online onde cada um trabalha no seu projeto dentro do projeto maior.

O que parece um sonho para quem atua no ramo da construção civil já é uma realidade e vai ser apresentado a empresários e profissionais do setor em um workshop que vai ser realizado em Campina Grande na quarta-feira (22). O estudioso do sistema, Marcelo de Alencar, vai explicar para engenheiros, arquitetos, designer, técnicos e estudantes da construção civil como o BIM funciona.

 

Modelo da Informação da Construção

O BIM ou Building Information Model, que  significa em português Modelagem da Informação da Construção ou Modelo da Informação da Construção. Segundo o analista do Sebrae Oton Amorim, o software é muito usado em países como Canadá e Estados Unidos. Ele otimiza todo o trabalho envolvendo a construção civil, desde o projeto desenvolvido pelo engenheiro civil, o projeto elétrico, hidráulico, além de ajudar também na liberação da licença da prefeitura para construir.

No Brasil o sistema já está sendo usado em uma escala de adaptação em estados como São Paulo, Paraná e Pernambuco. Em maio deste ano, o presidente Michel Temer assinou um decreto que trata da estratégia nacional de divulgação do BIM para os setores ligados a projetos de construção civil. A ideia do governo é que o software passe a ser obrigatório nos no Brasil nos próximos anos.

 

Workshop em Campina Grande

Segundo Oton, Campina Grande é a primeira cidade da paraíba a receber essa capacitação para os profissionais, de acordo com ele o setor da construção civil na cidade é muito for e sempre inovador e por isso é importante apresentar esse sistema aqui para que os profissionais aprendam o mais rápido possível a usá-lo.

A palestra sobre o software será no auditório da FIEP às 19h  e está sendo promovida pelo Sebrae Paraíba em parceria com o Sindicato da Indústria da Construção Civil da Paraíba (Sinduscon-PB). O número disponível é de 300 vagas com entradas custando R$ 50 a inteira e R$ a meia entrada. Demais informações sobre o evento podem ser solicitadas através do telefone da instituição: 2101-0100

O analista afirma que em um futuro não muito distante todos os projetos de construção civil só poderão feitos se tiverem sido produzidos nessa plataforma, “a projeção é de que o BIM ganhe cada vez mais força no Brasil, depois do decreto presidencial que estimula a divulgação do software, ele vai passar a ser exigido cada vez mais nos projetos até chegar o ponto em que só vai conseguir construir quem utilizar a plataforma”, disse.

* Sob supervisão de Aline Oliveira


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.