Economia e Negócios

Procon JP diz que, após duas pesquisas, não houve alteração no menor preço da gasolina

Entre os dias 6 e 20 de janeiro, o órgão visitou os estabelecimentos e constatou que a gasolina permanece R$ 4,12.




Foto: Rizemberg Felipe/Arquivo

As duas pesquisas de preços dos combustíveis realizadas em postos pelo Procon de João Pessoa, detectou que entre os dias 6 e 20 de janeiro não houve alteração no menor preço da gasolina (R$ 4,12). Ao todo, 109 estabelecimentos foram visitados e ficou constatado que 22 reduziram o preço da gasolina, 32 aumentaram e 32 mantiveram o preço do produto. A pesquisa foi divulgada nesta terça-feira (21).

>>> Confira a pesquisa de preços dos combustíveis em JP

O maior preço da gasolina se manteve em R$ 4,499 e é encontrado em postos nos bairros Tambaú, Centro, Bairro dos Ipês, Cruz das Armas, Jaguaribe, Cristo, Torre e Expedicionários.

De acordo com o secretário Helton Renê, o Procon-JP vai continuar monitorando os preços dos combustíveis em 2020 da mesma forma que fez no ano passado, com fiscalização diuturna para impedir que haja elevação acima dos reajustes anunciados pela Petrobras.

“Vamos usar a mesma estratégia de 2019 porque deu certo, já que impedimos que houvessem abusos devido aos sucessivos aumentos na fonte. Pesquisa e fiscalização estão trabalhando juntos para manter o mercado estável para consumidor”.

Álcool

O etanol registrou alta no menor preço saindo de R$ 2,799 para R$ 2,879, no bairro Funcionários II e o maio caiu de R$ 3,399 para R$ 3,299, no Bairro das Indústrias e Bancários. Seis postos reduziram, 25 mantiveram e 67 aumentaram o preço.

Diesel S10

O menor preço do óleo diesel S10 também se manteve em R$ 3,549, no Valentina Figueiredo e Água Fria, em relação à pesquisa do dia 6 de janeiro. Foi registrado um aumento no maior valor, que subiu de R$ 3,959 para R$ 3,999, em Tambaú. Oito postos reduziram, 49 mantiveram e 33 aumentaram o preço do produto, em comparação com o último levantamento.

GNV

Já o Gás Natural Veicular (GNV) manteve o menor preço em R$ 3,589, no bairro Geisel e o maior também não apresentou oscilação, continuando em R$ 3,719, na Cidade Universitária. Dos 13 estabelecimentos que comercializam o produto na Capital, dois reduziram e 11 mantiveram o preço.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.