Economia e Negócios

Inadimplência menor estimula alta

Retomada do crescimento econômico será puxada pela redução da inadimplência, que apresenta sinais de recuo, avalia professor da FGV. 




A desaceleração da economia no segundo trimestre deste ano foi mais branda do que o mercado financeiro imaginava e a tendência é que haja retomada neste semestre, com resultados mais favoráveis em 2013. A avaliação é do professor Robson Gonçalves, da Fundação Getulio Vargas (FGV) .

Para Gonçalves, a retomada do crescimento econômico neste semestre será puxada pela redução da inadimplência, que apresenta sinais de recuo. Ele acrescentou que, com o pagamento das dívidas pelas famílias, será possível haver retomada da expansão da demanda por produtos e serviços. "As estimativas do mercado financeiro estão sendo reduzidas rapidamente, como é o caso do boletim Focus, com analistas do mercado financeiro, que mostram reduções seguidas da projeção do PIB".


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.