Economia e Negócios

Seis empresas paraibanas ganham prêmio de 'melhor lugar para trabalhar' no estado

Levantamento é feito pela Great Place To Work (GPTW), que classifica as melhores empresas.




Oportunidade de crescimento e qualidade de vida estão entre critérios avaliados pelo prêmio

Seis empresas paraibanas foram premiadas este ano pela empresa global Great Place To Work (GPTW) como melhores lugares para se trabalhar na Paraíba. O prêmio foi concedido através de pesquisas qualitativas e quantitativas com os profissionais das empresas que avaliaram a relação de trabalho em cada local. Esta é a primeira vez que a organização faz um ranking com empresas paraibanas. De acordo com a  GPTW, 14 empresas paraibanas se inscreveram no prêmio, mas apenas seis foram premiadas.

Para participar do prêmio, as empresas se inscreveram e participaram das pesquisas feitas pela instituição. A classificação dos estabelecimentos leva em conta critérios como oportunidade de crescimento dentro do local de trabalho, qualidade de vida que a empresa proporciona aos funcionários,  alinhamento de valores, remuneração e benefícios e a estabilidade para os funcionários.

As seis empresas classificas no ranking de melhores empresas para se trabalhar no estado foram: Distribuidora Martins, Digna, Armazém Paraíba, Elfa, Betânia Lácteos e Softcom Tecnologia.

Digna incentiva capacitação da equipe

A empresa especializada em assistência funerária Digna foi a melhor classificada entre as corporações de origem paraibana no ranking 2018 da GPTW. A empresa ficou em segundo lugar no ranking paraibano perdendo apenas para a distribuidora Martins, que atua em nível nacional e ganhou o primeiro lugar no estado.

Para o sócio-executivo da Digna, João Pedro, a empresa nos últimos vem ampliado seus investimentos na elevação do padrão de qualidade do seu serviço. “Essa conquista é consequência de um trabalho que foi fortemente influenciado pela parceria estabelecida com a Fundação Dom Cabral desde 2015, que, com suas monitorias, programas e orientações técnicas, reforçou ainda mais que no centro de uma estratégia de sucesso está a forma como lidamos com as pessoas na organização”, declarou

Entre as ações que contribuíram para esse reconhecimento de melhor lugar para trabalhar, a empresa destaca ações como incentivo à capacitação com financiamento de 20% a 70% de cursos, boas-vindas com bolo e cartão no primeiro dia de trabalho, treinamento para novatos, folga no aniversário, kit com lembranças personalizadas quando nasce o filho de um colaborador e bônus quando uma indicação profissional para o quadro de funcionários se transforma em contratação.

Além disso, há um programa de apoio a colaboradoras vítimas de violência doméstica, que disponibiliza assistência jurídica, psicológica e, no mínimo, três meses de aluguel pago até que a colaboradora consiga se reestruturar. Ainda é oferecida à mulher a possibilidade de ser transferida para outra unidade.

Armazém Paraíba aposta no bem estar do trabalhador

Outra empresa que se destacou no premiação feita pela Great Place do Work foi a rede de lojas Armazém Paraíba. A empresa levou o terceiro lugar na ranking paraibano.

Segundo o gerente da rede, Evilásio Fonseca o prêmio é um reconhecimento pelo trabalho que empresa vem desenvolvendo no investimento  do bem estar do funcionário “Há cerca de 10 anos nós viemos investindo no nosso pessoal, no bem estar do nosso funcionário para que ele passe a satisfação que ele tem ao trabalhar na loja para o cliente.”

A empresa tem plano de carreira e salários para os funcionários, de acordo com Evilásio todos os gerentes das lojas vieram de outra funções e cresceram dentro do local. O Armazém Paraíba oferece ao funcionários que fazem faculdade um incentivo de 50% na mensalidade do curso.

Os funcionários também participam de reuniões constantes onde opinam sobre o que pode e deve melhorar na relação de trabalho com a empresa. Além disso, ações simples como bolo de aniversário para o aniversariante do mês são constantes para os funcionários da rede.

Uma em cada 3 premiadas tem universidade própria

A Great Place To Work  fez uma análise das empresas premiadas e constatou que, 17% das empresas oferecem verba para funcionários utilizarem no programa de desenvolvimento que quiserem, 33% oferece universidade interna e 7% oferece promoções aos funcionários. Outro dado interessante é que 83% das empresas oferece  bolsas de estudos para pelo menos 50% dos funcionários para cursos de graduação ou pós-graduação e 33% oferece bolsas de estudos para cursos de idiomas.

A GPTW também analisou o índice de demissões nas empresas e constatou que esse grupo apresentou, em média, uma taxa de saída voluntária de funcionários de 5%. A rotatividade voluntária representou cerca de 18% do total de demissões. Cerca de 44% das pessoas que compõem os quadros de funcionários das empresas premiadas foram admitidas no último ano.

Outro dado interessante das empresas em relação aos funcionários e a relação de gênero, no total de funcionários das seis empresas premiadas, 33% são mulheres e 67% homens. Nos cargos de média  liderança, 31% dos funcionários são mulheres e 69% homens. Na alta liderança 25% dos funcionários são mulheres e 75% homens.

Essa diferença de gênero se aplica também aos cargos de alta chefia, nas seis empresas nenhuma tinha uma mulher no cargo de CEO – Diretor Executivo.

Sobre a Great Place To Work

A Great Place To Work,  é uma organização global que trabalha fazendo pesquisas, consultoria e treinamento que estimulem as organizações a identificar, criar e manter excelentes ambientes de trabalho por meio do desenvolvimento de culturas de alta confiança.

* Sob a supervisão de Aline Oliveira


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.