Economia e Negócios

Doces dos EUA fazem sucesso na Paraíba

Inspirados na culinária americana, cupcakes, brownies, donuts, cookies e cheesecakes ganham espaço no mercado local.



Kleide Teixeira
Kleide Teixeira

Colocar receitas em prática é o que a chef Luby adora fazer. Paraibana, ela viveu 17 anos nos Estados Unidos, trabalhou como modelo e nas viagens de férias em sua terra natal resolveu enveredar na atividade empresarial. "Percebi que havia um mercado de culinária gourmet a ser explorado em João Pessoa e fiz um curso na Le Cordon Bleu (escola internacional de gastronomia) para oferecer à cidade produtos de qualidade diferenciada", narra Luby.

Sua primeira empresa foi destinada à alimentação saudável e requintada. No entanto, o projeto não durou muito."Com o tempo, percebemos que o mercado ainda não tinha demanda necessária para compensar o valor do que produzíamos", relembra a chef. E foi identificando a quantidade de mulheres e as festas recorrentes na capital que a ex-modelo identificou um outro ramo para colocar em prática os talentos culinários: os doces finos.

Seus cupcakes, brownies, donuts, cookies e cheesecakes são inspirados na culinária americana e vêm conquistando espaço no mercado pessoense há cerca de um ano. Semanalmente, o negócio tocado por ela e uma assistente chega a produzir uma média de 500 doces. "Começamos com nosso material e sem recursos dedicados para o negócio, com custo quase zero. Trazendo receitas não tão conhecidas no mercado local, podemos nos diferenciar e conquistar os clientes", explica Luby.

O planejamento, neste caso, veio como um segundo passo, visando profissionalizar o empreendimento. Seu esposo, Felipe Baltar, participou do ‘Próprio’, programa oferecido pelo Sebrae para orientar os futuros empresários. Com o negócio encaminhado, o plano guiado pelos consultores objetivou a criação de uma sede própria para a produção ‘Chez Vous – Culinária Gourmet’ e uma loja onde serão comercializados os doces.

Luby comenta que os planos são de expandir cada vez mais a produção e que não há pensamento em limites. Ela diz ter traçado metas para a empresa, mas sempre ampliando os horizontes. "Ana Maria Braga que se cuide…", avisa, em tom de brincadeira.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.