Economia e Negócios

Compras de Natal: Paraibanos vão adquirir roupas, comprar em shopping, pagar com cartão e pesquisar antes de decidir

Pesquisa da Fecomércio indica que 62,8% dos paraibanos vão às compras este ano, um ponto percentual a mais que em 2017.




Vestuário é o item com maior intenção de compras (Foto: Rizemberg Felipe/Arquivo)

Vestuário é o item com maior intenção de compras (Foto: Rizemberg Felipe/Arquivo)

Mais paraibanos estão se programando para ir às compras de Natal este ano do que no ano passado. Pelo menos é o que indica a Pesquisa de Intenção de Compras para as Festas Natalinas, realizada pelo Instituto Fecomércio de Pesquisas Econômicas e Sociais da Paraíba e divulgada nesta quarta-feira (5). O crescimento é de apenas um ponto percentual, mas está animando os lojistas, já que 62,8% dos paraibanos responderam sim à pesquisa.

Apesar disso, o valor que os consumidores paraibanos pretendem gastar caiu um pouco (0,32%) em comparação a 2017, ficando na média de R$ 283,38 por pessoa. Apenas 4% pretendem gastar acima de R$ 800, enquanto um em cada quatro consumidores não pretende tirar mais do que R$ 100 do bolso.

A forma de pagamento preferida, escolhida por 60% do público, é o cartão, mas entre os que pretendem fazer pagamentos à vista, três em cada quatro vão usar dinheiro vivo se os lojistas oferecerem um bom desconto. Os shoppings são os eleitos por 61%, enquanto 10% vai ficar na comodidade de casa comprando pela internet.

O item que mais deve movimentar o comércio é o vestuário, foco de quase 68,8% dos que estão se programando para ir às compras, seguido de calçados (21,66%). Mas outros itens também estão na lista, como brinquedos (16,88%), eletrodomésticos e eletroeletrônicos (16,56%) e perfumes (8,92%). Independente do item que vai para a sacola, 74% dos consumidores pretende fazer uma boa pesquisa antes de decidir o que levar para casa.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.