Economia e Negócios

Bovespa tem maior alta em dez semanas

Ibovespa fechou em alta de 1,98%. Redução dos temores com a Grécia impulsionaram mercados.




Do G1

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) acompanhou o tom positivo dos mercados internacionais nesta quinta-feira (29), em meio a expectativas de uma solução definitiva para socorrer a Grécia e ao ânimo de Wall Street por resultados corporativos acima das projeções.

O Ibovespa, principal indicador da bolsa paulista, fechou em alta de 1,93%, aos 67.978 pontos, na maior alta diária em dez semanas. Ao longo do dia, os negócios somaram R$ 5,07 bilhões.

O medo de que um default da Grécia espalhe a crise para toda a zona do euro diminuiu após Atenas se comprometer com um rigoroso pacote fiscal, abrindo caminho para que o país receba ajuda financeira do FMI e da União Europeia. "As notícias da Grécia abriram espaço para alguma recuperação dos ativos, que estavam muito depreciados", disse Álvaro Bandeira, diretor da Ágora Corretora.

Simultaneamente, novos resultados acima das expectativas de grandes companhias dos Estados Unidos levaram ânimo aos mercados acionários de Nova York. Com esse pano de fundo, o fluxo de recursos estrangeiros voltou a fluir para a bolsa paulista, tendo como alvos principais as blue chips Petrobras e Vale em meio à alta de commodities como metais e petróleo.

O papel preferencial da Vale ganhou 3,35%, a R$ 47,85, enquanto o da Petrobras subiu 1,95%, cotado a R$ 33,02.

Individualmente, Cesp foi a líder de ganhos do Ibovespa, saltando 5,1%, a R$ 25,60. Pouco atrás, Redecard avançou 3,5%, a R$ 29,55. A rede adquirente de cartões de crédito anuncia na sexta-feira pela manhã os resultados do primeiro trimestre.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.