Cultura

Tambaú recebe milhares de pessoas na Festa de Iemanjá

Evento acontece na noite desta segunda-feira com representantes de pelo menos 100 templos religiosos de vários bairros da Capital e de algumas cidades do interior.




Maurício Melo

A festa que acontece há 43 anos em João Pessoa e reúne milhares de pessoas com os pés na água do mar é uma homenagem à Iemanjá, conhecida como a "Rainha do Mar" nos templos de cultos africanos. No evento, que acontece na noite desta segunda-feira (8), são esperados representantes de pelo menos 100 templos religiosos de vários bairros da Capital e de algumas cidades do interior.

Um palco, chamado de palácio pelos religiosos, foi montado para a celebração do ritual litúrgico nas areias de Tambaú. Lá, 25 templos se apresentam, cada um 20 minutos. O início das apresentações está marcado para as 20h.

Iemanjá, Yèyé omo ejá ou Mãe cujos filhos são peixes, é um dos orixás mais importantes e cultuados no Brasil. Na celebração, milhares de pessoas trajadas de branco vão até às águas do mar, ou mesmo do algum rio, e oferecem presentes como espelhos, bijuterias, comidas, perfumes e toda sorte de agrados.

No Brasil, existe um sincretismo com a santa católica Nossa Senhora dos Navegantes. Em alguns momentos, inclusive festas em homenagem as duas se acontecem juntas. Inclusive, ambas têm sua data festiva no dia 2 de fevereiro. Na Paraíba, além da data de fevereiro, também já se tornou tradição comemorá-la em dezembro por conta de uma data estadual dedicada aos cultos africanos.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.