Cultura


Chris Evans confirma que abandona Capitão América após 'Vingadores 4'

Segundo o ator, filme que estreia em 2019 vai "encerrar tudo"




Reprodução
Reprodução
Evans assumiu o papel do Capitão América em 2011

O ator Chris Evans confirmou que vai abandonar o papel de Capitão América nos cinemas após 'Vingadores 4'. Ele tinha contrato com a Marvel para seis filmes, mas decidiu prorrogar por mais um, indo até a quarta parte da franquia que une os principais personagens da editora/estúdio.

Em entrevista ao The Telegraph, Evans contou o motivado de ter aceitado continuar, mesmo tendo dito várias vezes que não queria fazer mais do que seis filmes. "Eu tiha seis filmes no meu contrato com a Marvel, então poderia ter dito que depois do terceiro filme dos Vingadores estava encerrado, mas eles queriam fazer o terceiro e o quarto Vingadores como um filme de duas partes. Disseram que tinham tantos personagens para encaixar - Guardiões da Galáxia, Pantera Negra, Capitã Marvel, Doutor Estranho, Homem-Formiga - e não poderiam fazer isso em um único filme. Fazia sentido [renovar contrato]. Vai encerrar tudo", explicou, dando a entender que o último filme trará grandes mudanças ao Universo Cinematográfico da Marvel.

Evans estreou no papel do supersoldado em 'Capitão América- O Primeiro Vingador' (2011). Voltou ao personagem em 'Os Vingadores' (2012), 'Capitão América 2- O Soldado Invernal' (2014), 'Vingadores- Era de Ultron (2015) e 'Capitão América- Guerra Civil' (2016). Antes tinha vivido um outro personagem icônico da Marvel Comics: o Tocha Humana, em dois filmes do 'Quarteto Fantástico' produzidos pela Fox.

Vingadores: Guerra Infinita estreia em 26 de abril de 2018 e Vingadores 4, a despedida de Chris Evans, tem estreia marcada para 2 de maio de 2019.