Cultura


Divulgados selecionados da Campanha de Popularização da Cultura

Apresentações acontecem todas as sextas-feiras, no Severino Cabral, com início às 20 horas.




Divulgação
Divulgação
Espetáculo de dança “Ethnotron Ghetto Experiment”, do Coletivo Tribo Éthnos, foi selecionado

A Prefeitura Municipal de Campina Grande, por meio da Secretaria de Cultura, Teatro Municipal Severino Cabral e Associação Amigos do Teatro Municipal Severino Cabral divulgou o resultado dos atores e espetáculos selecionados para se apresentar no Projeto Campanha de Popularização do Teatro e da Dança, no primeiro semestre de 2017. As apresentações acontecem todas as sextas-feiras, no palco principal, com início às 20 horas.

No mês de março será apresentado dia 10 o espetáculo “Sodade” de Leandro Neto Cia. de Dança, de Fortaleza/CE; dia 17, “Despertar Celebração” do Balé Popular do Recife; dia 24 “O Eu, Palhaço!” de Erickson Canuto, Campina Grande/PB; dia 31 “Repertório” da São Paulo Cia. de Dança.

Já no mês de abril sobem ao palco: dia 14, “O Pranto de Maria Parda” de Gilberto Bezerra de Lima, de Caruaru/PE; dia 21 “Projeto Animal Arte e Cultura” da III Mostra do Projeto Animal, Arte e Cultura de Campina Grande/PB; dia 28 “Os Sonhadores” da Roça City Breakers, de Lagoa de Roça/PB.

No mês de maio os espetáculos a serem exibidos são “Maré de Arrasto”, dia 05, da Tap Campina Cia de Dança de Campina Grande/PB; dia 12 “Baldio”, do Grupo Pavilhão da Magnólia, de Fortaleza/CE; dia 19, “Mulheres Que Dançam: O resgate da auto estima” da Mosaico Cia. de Dança, de Campina Grande/PB; e dia 26 “Ethnotron Ghetto Experiment”, do Coletivo Tribo Éthnos, de João Pessoa /PB.

Produção

No último mês do Projeto, junho, se apresenta dia 02 o espetáculo “Symphonic Jazz” de Campina Grande/PB.

“A Campanha de Popularização do Teatro e da Dança está contribuindo para aumentar a formação de plateia, plateia essa que muitas vezes não tinha a oportunidade de prestigiar um bom espetáculo a preço popular e hoje vê neste projeto a oportunidade de prestigiar excelentes produções locais e de outras cidades e Estados. O projeto tem credibilidade e está crescendo, nesta seleção vários grupos, infelizmente, tiveram de ficar de fora por conta da limitação do período de apresentações, e isso nos deixa feliz por saber que tem muita gente querendo se apresentar e ao mesmo tempo triste por não poder ser agora, mas no segundo semestre novo edital será lançado e certamente outros grupos e companhias serão contemplados”, explicou Erasmo Rafael, diretor do teatro.