Cultura


Vídeo mostra maus tratos em set do filme 'Quatro Vidas de Um Cachorro'

Cão é obrigado a entrar em piscina com correnteza, apesar de estar visivelmente apavorado.




Um vídeo vazado nesta quinta-feira (19) do set do filme 'Quatro Vidas de um Cachorro' está causando polêmica nas redes sociais. Nele, um cão da raça pastor alemão, de nome Hercules, é obrigado pela equipe de produção a entrar em uma piscina com correnteza, apesar de estar visivelmente apavorado.
 
Na cena em questão, o cachorro salva uma criança de um afogamento em um rio. Hercules tenta fugir da água, mas é forçado pelo treinador. Posteriormente, o cachorro submerge na correnteza e membros da equipe gritam, tentando tirá-lo da água. O vídeo foi gravado ilegalmente por um membro da equipe em novembro de 2015. A divulgação das imagens pelo site TMZ provocou reações de grupos de defesa dos animais, que pediram boicote ao filme.
 

 
Dirigido por Lasse Hallström e estrelado por Britt Robertson e Dennis Quaid, o longa está previsto para estrear no dia 26 de janeiro no Brasil. Os estúdios Amblin Partners e Universal Pictures, que produzem o longa, divulgaram um comunicado afirmando que "promover um ambiente seguro e garantir o tratamento ético de nossos animais atores foi de extrema importância para aqueles envolvidos na realização deste filme, e vamos analisar as circunstâncias em torno deste vídeo".
 
O diretor do filme, Lasse Hallström, se defendeu em uma rede social. "Eu não testemunhei estas ações", disse. "Nós estamos comprometidos a prover um ambiente amável e seguro para todos os animais no filme", afirmou, acrescentando que uma investigação está sendo realizada para apurar as circunstâncias.