Cultura

Estacine apresenta “Dona Flor” e “O Aviador” neste final de semana

As exibições acontecem no sábado (11) e domingo (12) no miniauditório da Estação das Artes, a partir das 16h. A entrada é gratuita.



Os filmes “O Aviador" e “Dona Flor e Seus Dois Maridos” são as atrações do projeto Estacine neste fim de semana na Estação Cabo Branco, no bairro do Altiplano, em João Pessoa. Os filmes dão continuidade às mostras Martin Scorsese e Cinema Brasileiro. A entrada é aberta ao público e os filmes obedecem a classificação indicativa de idade. As exibições acontecem no sábado (11) e domingo (12) no miniauditório da Estação das Artes, a partir das 16h. A entrada é gratuita.

Neste sábado, pela mostra Martin Scorsese, vai ser exibido o filme “O Aviador”, que tem classificação indicativa para maiores de 12 anos. O filme conta a história de Howard Hughes (Leonardo DiCaprio), que ficou milionário aos 18 anos devido à herança que o pai dele, um inventor texano, deixou. Pouco depois, Hughes se muda para Los Angeles, onde passou a investir na indústria do cinema. Ele ajudou a carreira de vários astros, como Jean Harlow (Gwen Stefani), e ainda trabalhou em filmes de grande sucesso, como “Hell’s Angels”, que dirigiu. Paralelamente, Hughes se dedicou a uma de suas maiores paixões, a aviação, e se envolveu com as atrizes Katharine Hepburn (Cate Blanchett) e Ava Gardner (Kate Beckinsale).

Já no domingo, (12), o projeto apresenta o filme “Dona Flor e Seus Dois Maridos”, pela mostra Cinema Brasileiro. Dirigido por Bruno Barreto, o longa é uma versão para o cinema do livro homônimo de autoria do escritor baiano Jorge Amado. O filme tem classificação indicativa para maiores de 18 anos.
 
O longa se passa durante o carnaval de 1943, em Salvador. Quando Vadinho (José Wilker), um mulherengo e jogador inveterado, morre repentinamente, sua esposa, Dona Flor (Sônia Braga), fica inconsolável, pois apesar de ele ter vários defeitos, era um excelente amante. Mas, após algum tempo, ela se casa com Teodoro Madureira (Mauro Mendonça), um farmacêutico que é exatamente o oposto do primeiro marido.
 
Dona Flor passa a ter uma vida estável e tranquila, mas tediosa, e de tanto chamar pelo primeiro marido, um dia Vadinho aparece nu na cama dela. Então ela pede ajuda a uma amiga, dizendo que quase foi seduzida pelo finado esposo. Um pai de santo se prontifica a afastar o espírito de Vadinho, mas existe um problema: no fundo, Flor quer que ele fique, pois há um forte desejo que precisa ser saciado.
 
A programação do mês de junho do projeto ainda tem as exibições de “Taxi Driver” (18), “O Auto da Compadecida” (19), “Os Bons Companheiros” (25) e “O Ano em que meus pais saíram de férias” (26).