Cultura

Disney em livros de capa dura é melhor para adultos nostálgicos

Edições de luxo estão sendo lançadas no mercado brasileiro. Já são 11 volumes, e mais dois chegam às bancas e livrarias até o final de maio. 



Divulgação
Divulgação
Os 11 volumes da série Disney de Luxo lançados no Brasil. O mais recente traz super-heróis

Desde as primeiras histórias do ratinho Mickey, o universo dos quadrinhos de Walt Disney pertence à infância e à adolescência de várias gerações. A reunião delas em luxuosas edições – livros de capa dura já disponíveis no mercado brasileiro – talvez indique que relê-las neste formato é coisa para adultos nostálgicos.

Na Itália, as edições foram chamadas de “Tesori Disney”. No Brasil, “Disney de Luxo”. Já são 11 volumes lançados em bancas e livrarias a partir do segundo semestre de 2013.

Os primeiros foram “O Mistério dos Signos” e “O Reino dos Dragões”. Depois vieram “Os 80 Anos do Pato Donald”, “Era uma Vez na América” e “A Saga do Tio Patinhas”. O volume comemorativo do Pato Donald compila 26 histórias de 15 artistas. A saga dedicada ao Tio Patinhas leva a assinatura de Don Rosa.

A série prosseguiu com “Contos de Natal”, “Disney Cinema”, “História e Glória da Dinastia Pato” e “Um Brasileiro Chamado Zé Carioca”. No volume dedicado aos contos natalinos, estão as 35 histórias escritas e publicadas entre 1945 e 1963 por Carl Barks, que muitos consideram o maior nome dos quadrinhos Disney.

Os volumes mais recentes, que chegaram há pouco ao mercado, são “Mickey Mystery: o Detetive das Trevas” e “Iniciativa Super-Heróis”. O de Mickey tem histórias no estilo noir.

Um livro com histórias dos escoteiros mirins e uma reedição do clássico “Manual do Escoteiro Mirim” são as próximas atrações da série “Disney de Luxo”. Chegarão às bancas e livrarias até o final de maio. Outros volumes estão programados para os próximos meses. Um verdadeiro tesouro!