Cultura

Caixa reúne os primeiros filmes de Stanley Kubrick em blu-ray

Integram a caixa Medo e Desejo (1953), A Morte Passou Perto (1955), O Grande Golpe (1956) e Glória Feita de Sangue (1957).



O diretor Stanley Kubrick (1928-1999) chegou ao Olimpo dos grandes diretores de cinema utilizando como cartão de embarque obras-primas do quilate  de 2001: Uma Odisseia no Espaço (1968), Laranja Mecânica (1971) e O Iluminado (1980).

De filmografia curta, mas extremamente valiosa, o diretor americano deixou apenas 13 longas-metragens. Boa parte deles é bastante conhecido do público, como Spartacus (1960) - lançado recentemente em blu-ray com uma ótima cópia em alta definição -, Lolita (1962) e Nascido para Matar (1987), entre outros.

Os quatro primeiros longas do diretor ganham, esta semana, um lançamento importante em alta definição. Compilados no box em blu-ray Kubrick Essencial (Versátil, R$ 89,90, exclusivo na Livraria Cultura), Medo e Desejo (1953), A Morte Passou Perto (1955), O Grande Golpe (1956) e Glória Feita de Sangue (1957) saem em versões restauradas.

Os filmes são acompanhados por duas horas de extras, material que disseca os títulos da caixa, e três curtas feitos pelo diretor nos anos 1950 - O Padre Voador, Os Marinheiros, O Dia da Luta -, tudo em HD.
Até pouco tempo atrás, Medo e Desejo era pouquíssimo conhecido. Rejeitado pelo diretor, que costumava classificar o filme que dirigiu aos 24 anos como uma "experiência amadora", o primeiro longa-metragem de Kubrick era raríssimo já que, em vida, o cineasta proibiu que ele circulasse.

Em 2013, o filme sobre um grupo de soldados que, encurralados em linhas inimigas, enfrenta seus medos e desejos, teve sua cópia restaurada distribuída comercialmente nos meios digitais. No Brasil, chegou a ser lançado em DVD e blu-ray pela Continental.

Divididos em dois temas, guerra (disco 1) e policial noir (disco 2), Medo e Desejo compartilha com Glória Feita de Sangue o segundo disco da caixa dupla. O filme de 1957 é a grande obra-prima do pacote. O ator Kirk Douglas (que mais tarde voltaria a trabalhar com o diretor em Spartacus), vive um coronel que defende seus subordinados contra uma ordem abusiva de seu general, durante a Primeira Guerra Mundial.

Coube ao disco 1 reunir os filmes noir de Stanley Kubrick. Como documentado nos extras, o ótimo O Grande Golpe é fortemente influenciado por um grande clássico do noir, Segredo das Jóias, lançado seis anos antes. O diretor até pegou o astro do filme de John Huston emprestado, Sterling Hayden, para narrar a história de um grupo que pretende assaltar um jóquei-clube.

O outro é A Morte Passou Perto, um noir bem estilizado, que bebe de várias fontes, sobre um lutador de boxe que conhece uma dançarina no momento em que ela é atacada por seu patrão.

Kubrick Essencial quase fecha a filmografia do diretor em blu-ray no Brasil. Com exceção de Dr. Fantástico (1964), todos os outros foram lançados por aqui em alta definição, sete deles através de uma caixa da Warner Home Vídeo.