Cultura

Filha e neta de Lampião debatem o cangaço num evento em Campina Grande, nesta sexta (22)

Evento acontece na Vila Sítio São João, de sexta (22) à domingo (24); Interessados podem se inscrever para participar gratuitamente.




Vera Ferreira neta de Lampião (Foto: André Palmeira/Agência Alagoas de Notícias)

Vera Ferreira é neta de Lampião (Foto: André Palmeira/Agência Alagoas de Notícias)

Nomes importantes da história do cangaço nordestino estarão reunidos em Campina Grande a partir desta sexta-feira (21), até o próximo domingo (24), no evento “Cangaço Campina 2019 – História & Cultura Nordestina”. As atividades acontecem na Vila Sítio São João, no bairro do Centenário, e envolvem apresentações culturais, palestras e exibições de documentários, lançamentos de livros e mesas redondas.

Na sexta-feira (21), a palestra de abertura será realizada pela escritora Vera Ferreira, que é neta de Lampião. Na ocasião, também vão estar presentes Expedita Ferreira, filha de Lampião, Paulo Brito, filho do Coronel João Bezerra, responsável pelo assassinato de Lampião, além da filha de Eliza Dantas, filha do cangaceiro Candeeiro.

Já no sábado, a partir das 8h, o público poderá participar de discussões e exibição de documentários, além de debates sobre o cangaço, sua relação com o turismo e a história dos personagens envolvidos na temática, até às 19h30. No domingo, a trajetória do cangaço no contexto nacional será debatida, também a partir das 8h até às 9h, e a Comenda Paulo Gastão será entregue aos convidados às 9h30, seguida do encerramento do evento.

As inscrições podem ser realizadas gratuitamente no site do evento, e os interessados podem encontrar outras informações, com os horários específicos de atividade e a programação completa, no Instagram oficial do evento, @cagacocampina.


Você sabia que o Jornal da Paraíba está no Facebook, Instagram, Youtube e Twitter? Siga-nos por lá. Encontrou algum erro? Entre em contato.