Concursos e Empregos

TRE inscreve até a próxima terça-feira para concurso público

Prazo de inscrições  já foi prorrogado duas vezes em razão da greve bancária.



Termina na próxima terça-feira, às 14h (horário de Brasília), as inscrições para o concurso do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB). Vale lembrar que o prazo para inscrições já foi prorrogado duas vezes, mas a data prevista para aplicação das provas permanece inalterada: dia 29 de novembro.
Conforme a assessoria do tribunal, o presidente do órgão, desembargador João Alves, autorizou a prorrogação das inscrições em razão da greve bancária. A decisão foi tomada para não prejudicar pretensos candidatos, segundo informou o presidente da Comissão do Concurso, Allan Oliveira. "O edital do concurso nos permite a prorrogação do período de inscrições, então, admitimos mais uma vez esta necessidade". O prazo inicial para inscrições se encerraria no dia 13 de outubro foi estendido até o último dia 15 e por fim dilatado até a próxima terça-feira.

Estão sendo oferecidas 19 vagas, com remunerações que podem chegar a R$ 9.662,84. O concurso está ofertando quatro vagas para analista judiciário, 13 para técnico judiciário (área administrativa, sem especialidade), uma para técnico judiciário (área de apoio especializado em programação de sistemas) e uma para técnico judiciário (área de apoio especializado em operação de computadores). O cargo de analista é para nível superior e o de técnico, para nível médio

A remuneração para analista judiciário pode chegar a R$ 9.662,84 quando somado aos vencimentos o auxílio-alimentação, para uma jornada de 40 horas semanais. Já para técnico judiciário, os vencimentos podem chegar a R$ 7.023,79, para a mesma jornada de trabalho.

A seleção também vai formar cadastro de reserva. O valor da taxa de inscrição é de R$ 60 (nível médio) e R$ 75 (superior).

As provas terão 60 questões, sendo 20 de conhecimentos gerais e 40 de conhecimentos específicos, e estão previstas para serem aplicadas no dia 29 de novembro deste ano. Os candidatos terão três horas para realizar as provas dos cargos de técnico judiciário e quatro horas para analista judiciário, que contará ainda com redação.

O período da manhã será reservado para os cargos de técnico judiciário, e no período da tarde para os cargos de analista judiciário. As avaliações serão aplicadas nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Patos e Sousa.