Concursos e Empregos

Aeronáutica tem mais de 100 chances para médicos

O curso terá duração aproximada de 17 semanas, e será ministrado no Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica (CIAAR), em Belo Horizonte – MG.



Com o objetivo de contratar novos profissionais, o Departamento de Ensino da Aeronáutica anunciou a realização do Exame para admissão ao Curso de Adaptação de Médicos da Aeronáutica do ano de 2016 (EA CAMAR 2016). No total, 112 vagas foram divulgadas e estão distribuídas entre diversos Estados brasileiros.

Há oportunidades para as especialidades de Anestesiologia (13); Anatomia Patológica (1); Cancerologia (3); Cardiologia (6); Cirurgia Geral (4); Clínica Médica (12); Geriatria (1); Ginecologia e Obstetrícia (11); Infectologia (2); Medicina Intensiva (9); Mastologia (1); Neurocirurgia (1); Nefrologia (2); Neurologia (3); Oftalmologia (6); Otorrinolaringologia (5); Ortopedia (10); Pediatria (11); Pediatria Neonatal (2); Pneumologia (1); Psiquiatria (3); Radiologia (1); e Urologia (4).

O curso terá duração aproximada de 17 semanas, e será ministrado no Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica (CIAAR), em Belo Horizonte – MG. As inscrições são recebidas a partir das 10h do dia 30 de junho de 2015 até as 15h do dia 30 de julho de 2015 (considerando o horário oficial de Brasília - DF), por meio dowww.ciaar.com.br. A taxa é de R$ 120,00, e deve ser paga via boleto bancário.

Esta oportunidade visa avaliar seus candidatos através de Provas Escritas nas disciplinas de Língua Portuguesa e Conhecimentos Especializados; Inspeção de Saúde (INSPSAU); Exame de Aptidão Psicológica (EAP); Prova Prático-Oral (PPO); Teste de Avaliação do Condicionamento Físico (TACF); e Validação Documental.

A participação é liberada a homens e mulheres com nível Superior em Medicina, com formação na especialidade a qual pretende concorrer. Além disso, também faz parte dos requisitos não completar 36 anos de idade até o dia 31 de dezembro do ano da matrícula no Curso, dentre outras exigências que podem ser conferidas no edital.

Após a conclusão do Curso de Adaptação, o Primeiro-Tenente Médico será designado para servir na localidade para a qual foi selecionado.