Concursos e Empregos

Sine-PB oferece 700 vagas de emprego

Em João Pessoa estão sendo ofertadas 340 vagas. A maioria é destinada a construção civil, comércio e telemarketing.

 



O Sistema Nacional de Emprego na Paraíba (Sine-PB) oferece 700 oportunidades de trabalho em diversas áreas e com exigência de diferentes níveis de escolaridade.

As vagas estão distribuidas no setor do comércio, da indústria e dos serviços.
As vagas são: 300 para operador de telemarketing receptivo; 30 para agente de portaria ; 10 para bombeiro civil ; 15 para controlador de tráfego; 13 para estoquista ; 12 para fiscal de loja; 10 para mecânico de refrigeração; 5 para motorista de caminhão, para trabalhar em São Paulo; 32 para operador de caixa; 20 para repositor de mercadorias ; e 25 para vendedor interno .

Os interessados devem apresentar currículo, RG, CPF e Carteira de Trabalho na sede do Sine-PB, que se localiza na Rua Duque de Caixias, 305 no Centro de João Pessoa.

Sine-JP

Já o Sistema Nacional de Empregos de João Pessoa (Sine-JP)  está oferecendo 340 oportunidades de emprego e entre elas também há vagas para pessoas com deficiência.

Na Capital, o setor que mais oferece vagas é o da Construção Civil, seguido do setor do Comércio.

Para pedreiros há 56 vagas, sendo uma delas para pessoa com deficiência. A escolaridade mínima exigida é o ensino fundamental incompleto. No caso da vaga para deficiente, a empresa pede ensino fundamental completo. No comércio há 53 vagas para vendedores, sendo 2 vagas exclusivas para pessoas com deficiência. Uma das vagas exige ensino fundamental completo, e a outra, ensino médio incompleto. As 51 vagas restantes exigem ensino médio completo.

Nesta semana, há 20 vagas para atendentes de telemarketing, sendo 10 para quem tem ensino médio completo e 10 para quem tem ensino superior incompleto e cursos de telemarketing e atendimento, e de informática.

Além das vagas já citadas existem 4 vagas de serventes de obras, 1 de armador, 1 de auxiliar de limpeza, 1 de betoneiro, 3 de carpinteiros, 5 de cobradores de transporte, 2 de eletricistas, 2 de encanadores, 1 de fiscal de lojas, 1 de guincheiro, 5 de motoristas de ônibus urbano, 4 de operadores de venda, e 10 de serventes.