Concursos e Empregos

Provas têm questões de gestão pública

Gestão de pessoas, ética do servidor na administração pública, e regime jurídico são exemplos de assuntos cobrados em provas.



Um dos concursos que mudaram os conteúdos cobrados foi o certame para assistente técnico-administrativo do Ministério da Fazenda. No concurso realizado este ano, que ofereceu 1.096 vagas para 261.927 inscritos (o salário é de R$ 3.050,82), na parte de conhecimentos específicos, foram cobrados conteúdos de gestão de pessoas e do atendimento ao público; ética do servidor na administração pública, administração pública brasileira; e regime jurídico dos agentes públicos. No concurso realizado em 2009, esses conteúdos se resumiam a conhecimentos básicos de Direito Administrativo, Constitucional, Tributário e Previdenciário.

Já no concurso da Polícia Federal de 2013, por exemplo, foram oferecidas 534 vagas de agente administrativo, de nível médio. As vagas eram para todas as unidades da Federação, sendo 274 para o Distrito Federal. O salário oferecido é de R$ 3.316,77. As provas objetivas foram aplicadas no dia 16 de fevereiro deste ano. A banca organizadora foi o Cespe/UnB.

No certame, foram cobrados, na parte de conhecimentos específicos para o cargo de nível intermediário, noções de administração pública, noções de administração financeira e orçamentária, noções de gestão de pessoas nas organizações, noções de administrações de recursos materiais e noções de arquivologia, além de legislação aplicada à Polícia Federal. Embora no edital de 2004 alguns desses conteúdos já tenham sido cobrados, o edital de 2013 foi substancialmente maior e com muito mais conteúdos, se comparado com o anterior.

Para se ter uma ideia, enquanto que no edital de 2004 a discriminação dos conteúdos específicos para os cargos de nível intermediário foram resumidos em cinco linhas, no edital de 2013, a relação dos conteúdos está disposta de forma a ocupar quase uma capa. No edital de 2004, tudo se resumia a "Redação de expedientes; Noções de relações humanas; Noções de arquivamento e procedimentos administrativos; Relações Públicas; Noções de administração financeira, de recursos humanos e de material; Constituição da República Federativa do Brasil: organização do Estado, direitos e garantias fundamentais, organização dos Poderes, serviço público, direitos do consumidor". No edital de 2013, só o item "Noções de administração de recursos materiais" ocupa cinco linhas do documento.

O que estudar
Uma boa dica de bibliografia para quem já está começando a se preparar para concursos que exijam esses novos assuntos é o livro "Administração Geral e Pública (para os concursos de técnico e analista)". O concurso inclui conteúdos como Gestão da Qualidade, Gestão de Processos e Gestão de Projetos.